Google vai permitir compartilhamento de login e senha com familiares

Recurso é um esforço para melhorar o aplicativo de controle parental e deve chegar em breve

Google vai permitir compartilhamento de login e senha com familiares

Página de busca do Google. Foto: Unsplash

Nessa terça-feira (6), o Google anunciou que, em breve, permitirá que usuários compartilhem login e senha entre familiares. O recurso é um esforço para melhorar o aplicativo de controle parental Family Link, através da ferramenta de Gerenciamento de Senhas. A novidade é um anúncio do Dia da Internet Segura (6 a 7 de fevereiro). O Google informou que a iniciativa é para “ajudar as crianças a construir relacionamentos seguros e saudáveis ​​com a tecnologia”.

O navegador fornecerá cenários de quando o compartilhamento é uma opção, como quando um pai deseja ver as tarefas escolares de seu filho ou quando um pagamento deve ser feito. Outros recursos do Family Link incluem a capacidade de gerenciar opções de controle dos pais diretamente da página do mecanismo de pesquisa do Google, quando o usuário insere certas frases, como “controle dos pais”.

Ao acessar uma senha salva através do aplicativo Gerenciador de Senhas, um pequeno botão “compartilhar” aparecerá no canto inferior direito. Tocar nesse botão exibirá uma lista de membros da família conectados. Após selecionar um para o qual enviar a senha, o usuário deve confirmar sua seleção. Ao fazer isso, este login e senha serão parte do gerenciador, permitindo o preenchimento automático ou que vejam as informações para fazer login manualmente.

Ao contrário de alguns gerenciadores de senhas de terceiros, não há como compartilhar uma senha com alguém que não esteja conectado à conta Google Family. O compartilhamento de senha não está disponível no momento, mas como o Google o anunciou oficialmente, o recurso deverá estar disponível em breve.

Novos recursos

A atualização se junta a outros recursos que fazem parte do aplicativo Google Family. Isso inclui o controle parental, métodos de pagamento compartilhados, armazenamento compartilhado do Google One, notas e calendários e compras de conteúdo compartilhado.

O anúncio dessa terça-feira (6) também inclui configurações simplificadas do SafeSearch para usuários menores de 18 anos, bem como acesso simplificado aos controles dos pais – os pais que já estão logados podem simplesmente pesquisar “controles dos pais” no Google para acessar as contas que supervisionam.