Preço médio do iPhone cai 8% no Brasil, diz pesquisa

Para quem quer um iPhone para chamar de seu, a dica é pesquisar antes de comprar

por Nathália Guimarães sex, 31/03/2017 - 11:58
Pexels iPhone, da Apple Pexels

Embora o preço dos iPhones no Brasil ainda assuste muita gente, uma pesquisa recente divulgada pelo site comparador de preços e produtos Zoom indica que os smartphones da Apple tiveram uma queda de 8% no preço médio, comparando o primeiro trimestre de 2017 com o último trimestre de 2016.

Se em outubro, novembro e dezembro do ano passado, a média de preço desses aparelhos era R$ 2.597, nos primeiros meses de 2017 isso mudou, e o valor caiu para R$ 2.397. 

Sem considerar as ofertas do iPhone 7, que é o último modelo lançado pela fabricante, a queda no preço médio dos aparelhos mais antigos da marca chega a 17%, na comparação do primeiro trimestre de 2016 ao mesmo período de 2017.

Nos meses de janeiro, fevereiro e março do ano passado, o preço médio de um iPhone era R$ 2.580 e agora passa a ser R$ 2.141. Em um ranking dos smartphones da Apple ordenados pelos modelos mais buscados, o líder é o iPhone 6 de 16GB, que custa de R$ 1.899,90 a R$ 2.815,12, variando de preço em 48%.

A maior diferença de preços, no entanto, fica com o aparelho mais barato da lista. O iPhone 5s de 16 GB custa de R$ 1.389,99 a R$ 2.099,90 - variação de 51%. Para quem quer um iPhone para chamar de seu, a dica é pesquisar antes de comprar.

"Após o lançamento de um modelo, há uma baixa de preço natural dos aparelhos mais antigos. Para quem quer investir em um smartphone da Apple, esse é um bom momento, porém vale ficar atento principalmente à capacidade de armazenamento do aparelho, pois isso interfere muito no desempenho e no preço dele", aconselha o diretor executivo do Zoom, Thiago Flores.

LeiaJá também

--> Recurso escondido no iOS 10.3 libera espaço no iPhone

--> Apple vence processo e pode vender iPhone 6 na China

--> Apple duplica armazenamento do iPhone SE

--> iPhone 7 vermelho começa a ser vendido no Brasil

COMENTÁRIOS dos leitores