"iPhone 7 vai decepcionar", afirma analista

Especialista aposta que a Apple já não consegue surpreender quando o assunto é inovação

por Nathália Guimarães qui, 11/08/2016 - 12:13
Pixabay Rumores apontam que o iPhone 7 deverá acabar definitivamente com a entrada para fones de ouvido Pixabay

A apenas um mês do seu lançamento oficial, o iPhone 7 tem sido alvo de comentários em todo o mundo, com rumores circulando em todos os cantos da internet. Animados, alguns fãs apostam que o smartphone trará recursos inéditos para aquecer o mercado. Outros, no entanto, acreditam que a Apple já não consegue surpreender quando o assunto é inovação. É o caso do analista Steve Grasso. Em entrevista à CNBC, ele afirmou que o iPhone 7 irá decepcionar os acionistas e mercado consumidor.

Grasso, que é diretor de vendas da Stuart Frankel & Co, afirma que a era de ouro da Apple chegou ao fim, já que a companhia ainda é muito dependente do resultado comercial do smartphone. Para ele, é questionável uma empresa depender apenas de um produto. "Se você está procurando por crescimento, procure o Facebook ou a Amazon", aconselhou aos acionistas de plantão.

O recente declínio nas vendas do iPhone, que já ocorreu por dois trimestres consecutivos, está surpreendendo Wall Street. Steve Grasso diz que este será um cenário comum para a Apple partir de agora. "Todos estão ansiosos pelo iPhone 7, e eu acho que ele só vai decepcionar", ressaltou.

Rumores apontam que o iPhone 7 deverá acabar definitivamente com a entrada para fones de ouvido, uma tentativa de reduzir ainda mais as dimensões do smartphone. Um analista da KGI Securities vai mais além e diz ainda que o novo aparelho contará com um sistema de carregamento sem fio. Em vez de ter que conectar o celular a um cabo, os usuários só precisariam colocá-lo sobre uma base.

COMENTÁRIOS dos leitores