Em solenidade, Avante confirma apoio à pré-candidatura de Mirella em Olinda 

Avante entra na fila de partidos que declararam apoio à pré-campanha da afilhada política de Lupércio na corrida municipal

Em solenidade, Avante confirma apoio à pré-candidatura de Mirella em Olinda 

Foto: Divulgação/Ascom

A pré-candidata à prefeitura de Olinda, Mirella Almeida (PSD), recebeu, nesta quinta-feira (18), o apoio do Avante. O evento aconteceu no Hotel Costeiro, no Bairro Novo, área central da cidade. A solenidade, portanto, confirma o 11º partido apoiando a entrada da secretária de Desenvolvimento Econômico, Tecnologia e Inovação do município na corrida eleitoral. 

Estiveram presentes militantes e vereadores da legenda, assim como o prefeito Professor Lupércio, e o presidente estadual do Avante, Sebastião Oliveira. Com o PSD, o Avante tenta construir uma chapa proporcional, com a adesão dos vereadores Biai, Bruno D’Melo, Ricardo Souza e Tostão, além de ex-parlamentares, líderes comunitários e de movimentos sociais. O desejo mais repetido, então, foi o ter o presidente municipal, Júnior Dionísio, na chapa como vice. 

À reportagem, Mirella Almeida afirmou que o Avante agrega ao rol de apoios que o PSD vem recebendo em Olinda, por sua repercussão nacional. “(O Avante) faz parte da base do governo e tem aí deputados federais, tem também aqui com a gente nas representações em Pernambuco, então pra gente é muito importante. Aqui com o presidente municipal o nosso Júnior Dionísio, é muito importante mais um partido, um partido com força”, declarou a pré-candidata. 

O prefeito Professor Lupércio teve de adiantar sua fala durante o evento para sair mais cedo. Ele deverá se submeter a uma mini cirurgia em um dedo da mão direita. No entanto, antes de se retirar, o chefe do executivo municipal reforçou a confiança que deposita em Mirella, que tem “experiencia em gestão pública”. “Pessoa de confiança, honesta, e eu confio piamente em Mirella. Eu não tenho sombra de dúvida que ela vai representar os olindenses à altura”, afirmou.  

O Avante não entra na legenda com poucas ambições. O desejo em compor a chapa foi reforçado em diversas falas de vereadores, havendo ainda um pedido direto à diretoria do PSD. Júnior Dionísio, atual presidente municipal do Avante, poderá acompanhar Mirella na campanha como pré-candidato a vice. 

Contudo, não houve confirmação durante o evento. Apesar disso, Mirella afirmou que o partido “vai ter tempo de construir realmente uma chapa vitoriosa”. 

Avante faz críticas ao passado em Olinda

Dentre os discursos dos participantes, muito se criticou antigas gestões de Olinda. Dionísio não foi diferente. “Aqueles que se colocam representam um passado que Olinda não merece viver novamente”, disse. Sendo o nome favorito para seguir na campanha municipal, ele saiu do palanque aos gritos de “Vice!” da plateia.

O presidente estadual do Avante, Sebastião Oliveira, por sua vez, deu um tom ao seu discurso que demonstrou não haver politicagem em seu partido, o que seria diferente em outros espaços, tanto no poder Executivo quanto no Legislativo. “Aqui não tem palácio do Planalto, não tem Palácio do Capibaribe (Prefeitura do Recife), não tem Palácio Joaquim Nabuco (Assembleia Legislativa de Pernambuco), não tem governador, governadora”, declarou.

Por fim, ele mencionou uma informação de que o PSDB, partido da governadora Raquel Lyra, “ativou cerca de 120 diretórios no estado, com a máquina do governo”. Em comparação, ele afirmou que o Avante ativou 93 diretórios, sem ser o partido no mandato.

Além do Avante, o PSD já tem o apoio do Solidariedade, MDB, Cidadania, Agir, PSDB, União Brasil, Podemos, Democracia Cristã e PMB. O apoio do PDT aguarda oficialização, de acordo com conversas nos bastidores, e deve acontecer nos próximos dias.