Senadores lamentam morte de Pelé

Edson Arantes do Nascimento morreu nesta quinta-feira (29), aos 82 anos, de falência múltipla de órgãos, depois de enfrentar um agressivo câncer de cólon

Senadores lamentam morte de Pelé

A morte de Pelé comove o Brasil e o mundo. Com os senadores, não é diferente. Vários deles foram às redes sociais lamentar a morte do maior jogador de futebol da história. Edson Arantes do Nascimento morreu nesta quinta-feira (29), aos 82 anos, de falência múltipla de órgãos, depois de enfrentar um agressivo câncer de cólon.

O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, manifestou sua solidariedade aos familiares e admiradores do Rei do Futebol. Ele definiu Pelé como “o mais magistral jogador de futebol que o mundo viu nos gramados e que elevou o nome do Brasil por onde passou” e também lembrou que o jogador “interrompeu guerras e conflitos com a bola nos pés e a mensagem da paz”.

Pacheco ainda disse que “neste momento de tristeza, o que conforta, entre tantos exemplos deixados por Edson Arantes do Nascimento, é ter a certeza do encantamento proporcionado pelo mineiro de Três Corações, que tornou o futebol algo mágico para todos os fãs do esporte”. 

O líder do governo, senador Carlos Portinho (PL-RJ), publicou uma foto de Pelé comemorando um gol e registrou: “Pelé é eterno.”

No Facebook, Jorge Kajuru (Podemos-GO) gravou um emocionado áudio em homenagem a Pelé, lembrando as conquistas do Rei e sua relação pessoal com o maior jogador da história.

O senador Romário (PL-RJ), campeão mundial com a seleção em 1994, disse que “hoje o Brasil dá adeus a um de seus filhos mais ilustres: Pelé, o rei do futebol”. Romário lembrou que, “eleito o atleta do século, Edson Arantes do Nascimento fez o mundo se curvar diante do seu talento, levando o futebol brasileiro ao altar dos deuses”. De acordo com o senador, “durante toda sua vida, Pelé inspirou gerações de atletas e merece todas as homenagens”.

Pelé Pelé nasceu em Três Corações (MG), em 1940. Pelo Santos, único clube que defendeu no Brasil, conquistou mais de 40 títulos. Na seleção brasileira, participou de três conquistas mundiais (1958, 1962 e 1970). Ele também ajudou a popularizar o futebol nos Estados Unidos, ao jogar pelo NY Cosmos, no final da carreira, na década de 1970. Pelé fez 1.282 gols em sua carreira e jogou 92 partidas pela seleção. Ele deixa seis filhos e nove netos. Uma outra filha já morreu, também de câncer, em 2002. 

Para além dos campos, Pelé também foi cantor, compositor, ator, empresário, comentarista e garoto propaganda. Ele ainda foi ministro do Esporte, durante o primeiro mandato de Fernando Henrique Cardoso (1995-1998). Há dois anos, os senadores destacavam o aniversário de 80 anos de Pelé. Muitos lembraram o fato de uma importante lei do esporte levar o nome do Rei do Futebol (Lei Pelé – Lei 9.615, de 1998).

Veja, abaixo, a repercussão da morte de Pelé entre os senadores. 

Paulo Rocha (PT-PA)

“Adeus ao maior de todos. Adeus, Pelé. Um Brasil inteiro de luto neste dia 29 de dezembro. A todos os familiares, amigos e fãs, meu total respeito e solidariedade”.

Luis Carlos Heinze (PP-RS)

O Brasil e o mundo perderam o “Rei do Futebol”, o nosso Pelé! Neste momento de dor, registro minha solidariedade à família e aos milhares de fãs. Sua história de vida jamais será esquecida. Valeu, Pelé! Paulo Paim (PT-RS) Pelé, eterno: rei, gênio, maestro. Gol, golaço, rede estufada, gritos, aplausos; alegria do povo, coração, paixão, vida; realidade e ficção. O maior de todos. Imortal na sua arte. Obrigado por me fazer amar o futebol. Vai em paz. Meus sentimentos aos familiares, amigos e fãs”.

Angelo Coronel (PSD-BA)

Pelé, o ídolo de várias gerações mundo afora. Deus conforte sua família e sua legião de fãs. Maria do Carmo Alves (PP-SE) Perdemos o grande rei Pelé, uma perda para o futebol brasileiro e mundial. O grande goleador das Copas, o maior jogador da seleção! Vá em paz. Marcelo Castro (MDB-PI) Perdemos o atleta do século. Edson Arantes do Nascimento, o Pelé, foi o maior jogador de futebol da nossa história, um exemplo de vida, que nos enche de orgulho! Obrigado por apresentar o Brasil para o mundo! Você continuará vivo em nossos corações. Para sempre, nosso Rei Pelé!”

Alessandro Vieira (PSDB-SE)

“O sentimento orgulhoso de ser brasileiro está entrelaçado para sempre com a vida deste atleta extraordinário que representa o nosso país de forma única. Pelé é eterno! Meus sentimentos para seus familiares e para a imensa legião de fãs espalhados pelo planeta. Flávio Bolsonaro (PL-RJ) O maior jogador da história do futebol nos deixou! Descanse em paz, Rei! Muito obrigado pelas alegrias que trouxe ao país! Meus sentimentos aos amigos, familiares e torcedores! José Serra (PSDB-SP) Foi-se Pelé. Gênio do futebol, colega do governo Fernando Henrique, bom amigo. Uma perda imensa!”

Randolfe Rodrigues (Rede-AP)

Serás eterno, Pelé! Edson Arantes do Nascimento conquistou três Copas do Mundo e fez o Brasil ser visto e respeitado em todos os continentes. Pelé foi, é e sempre será histórico, dentro e fora dos campos. Obrigado por tudo, Rei. Vá em paz, você encheu a nossa nação de orgulho!”

Chico Rodrigues (União-RR)

Que o senhor Deus receba o Rei Pelé em seus braços e conforte sua família. Sua vida foi uma jornada repleta de vitórias, muitas delas de grande valia para o nosso povo! Meu máximo respeito a esse grande brasileiro, que marcou a história do esporte no Brasil e no mundo”.

Alvaro Dias (Podemos-PR)

Nosso mais profundo pesar pelo falecimento desse que foi um dos maiores atletas da história do esporte, além de ter sido um brasileiro que sempre levou ao mundo uma imagem de simpatia e alegria. Descanse em paz, Pelé! Que Deus te receba de braços abertos!”

Humberto Costa (PT-PE)

Soco no ar. Gols. Títulos. Dribles. Copas. Pelé. O Rei do Futebol, o maior de todos os tempos nos deixou. A ‘Camisa 10’ teve um significado antes e depois de Pelé, o futebol também. Nosso respeito, admiração e solidariedade aos familiares”.

Roberto Rocha (PTB-MA)

O Rei do futebol foi brilhar nos gramados lá de cima. Edson Arantes do Nascimento, o nosso Pelé, descansou. Jogador completo, dono da incrível marca de 1281 gols. Atleta genial, trouxe três Copas do Mundo e transformou de vez o Brasil no país do futebol. Vá em paz, Rei!”

Soraya Thronicke (União-MS)

Que tristeza, Brasil… Perdemos nosso maior ídolo do futebol e inspiração para tantos jovens que vieram depois. Pelé foi puro talento, e responsável por tantos momentos de alegrias para nosso país. Merece todas as homenagens. Descanse em paz, Rei!”

Zequinha Marinho (PL-PA)

Se vai uma lenda, um rei. Fica um legado, uma bela história e uma goleada de vitórias, ensinamentos e muita inspiração. Vá em paz, grande Pelé!”

Leila Barros (PDT-DF)

Com a bola no pé, ninguém foi melhor que ele. Tri-campeão mundial, ganhou a Copa de 1958 com apenas 17 anos. Será para sempre fonte de inspiração e esperança para jovens atletas. Todas as homenagens são fruto da alegria que Pelé nos proporcionou. Que Deus conforte a família e amigos neste triste momento. Adeus, Pelé. Descanse em paz! Jean Paul Prates (PT-RN) Minha solidariedade aos familiares do nosso querido Edson Arantes do Nascimento, o grande Rei Pelé! Nosso maior goleador fará “jogos bonitos” lá em cima, junto com Garrincha e tantos outros ídolos do futebol.”

Styvenson Valentim (Podemos-RN)

Descanse em paz, Rei Pelé! O o rei do futebol, maior jogador da história deste esporte, acabou de nos deixar! Nossos sentimentos à família!”

Rogério Carvalho (PT-SE)

O Brasil se despede do Rei. Com o Pelé, cultivamos o amor pela nossa camisa 10. E com ela, o sonho de milhares de jovens se tornarem craques do futebol. Descanse em paz, Rei Pelé, o Brasil te agradece por tantas conquistas e por semear a esperança em nossos corações!”

Mecias de Jesus (Republicanos-RR)

Recebo com pesar a notícia da morte do Rei Pelé, o maior jogador da história. O país do futebol e o mundo perdem uma grande referência. Desejo que Deus conforte o coração dos familiares e de todos os brasileiros. Descanse em paz, Pelé”. 

Carlos Fávaro (PSD-MT)

No céu, uma constelação. De Três Corações, as três primeiras estrelas que nos consagraram país do futebol. (…) Eu vibrei pelo Brasil do Rei Pelé. E que me desculpe Charles Miller, se pai é quem cria, quem embalou e mais criou no futebol foi ele: Edson Arantes do Nascimento. E agora, do renascimento. O Brasil do futebol renasce com sua majestade imortalizada. Quem tem legado não deixa despedida, deixa a eterna inspiração”.

Daniella Ribeiro (PSD-PB)

Minha solidariedade aos familiares, amigos e fãs de todo o mundo do nosso rei Pelé. O maior atleta, o mais genial da história do futebol. Pelé se despede da vida nos deixando títulos, alegrias, vitórias e orgulho dele e do nosso Brasil. Eterno nas nossas memórias e glórias”.

Eduardo Braga (MDB-AM)

Obrigado Rei Pelé, que o nosso Deus te receba em seus braços!”

Renan Calheiros (MDB-AL)

“Se despediu hoje a mais elevada realeza brasileira. Um gênio, mestre de muitas artes, maestro da habilidade e ícone de nossas maiores paixões. Pelé ascendeu ao mundo dos imortais e está reluzindo entre os deuses. A vida o glorificou, a morte o sublimará”. 

Giordano (MDB-SP)

“O rei do futebol acaba de nos deixar. Pelé, o maior jogador da história, que tanto nos orgulhou com a bola nos pés e com sua genialidade. O Brasil e o mundo se entristecem com a passagem deste que foi e sempre será referência no esporte. Que Deus conforte os familiares, amigos e admiradores do nosso eterno Rei.”

Confúcio Moura (MDB-RO)

“O mundo se despede hoje do Rei Pelé, o maior ídolo do esporte no planeta, aos 82 anos. Pelé, sua arte nos encantou, sua genialidade e façanha ficarão para a eternidade. Você foi brilhante com a bola nos pés. Inesquecível! Neste momento de dor, queremos apenas agradecer. Muito obrigado por tudo. Descanse em paz”. 

Telmário Mota (PROS-RR)

“Muito obrigado pelos mais de 1.000 gols e pela sua genialidade! Fica em paz, rei Pelé! Lasier Martins”

(Podemos-RS)

Perdemos a maior celebridade brasileira. Projetou o Brasil positivamente como ninguém, deliciando plateias e tornando o futebol, mais do que um esporte, também uma arte. Viva o Rei!

Lucas Barreto (PSD-AP)

“O Brasil se despede do maior jogador de futebol de todos os tempos: o Pelé! Não há palavras para descrever a sua importância para o esporte. Pelé foi um ídolo e uma referência para milhões e seu legado é eterno. Que Deus, em toda a sua glória, te receba com muita luz, Rei Pelé!”

Alexandre Silveira (PSD-MG)

Vida eterna ao Rei! O maior jogador de futebol que o mundo já viu jogar será sempre reverenciado. Um abraço fraternal à família, amigos e a todos os fãs do Rei Pelé, que hoje se foi, aos 82 anos. Descanse em paz, lenda!”

Davi Alcolumbre (União-AP)

“Apenas palavras não conseguirão definir quem foi Pelé para o esporte e para o mundo. Tão bela missão é essa de fazer sorrir uma nação com seu talento, com sua maestria em campo, em tornar-se sinônimo do futebol arte. Uma bola, um campo, um homem e um legado para a história. Hoje, o Brasil se abraça. E chora junto. Vá com Deus, Edson Arantes do Nascimento. Aqui, você será eternamente Pelé, o maior jogador de todos os tempos”. 

Esperidião Amin (PP-SC)

É impossível dizer alguma coisa original a respeito do sentimento que ocorre a todos nós com a notícia do falecimento do Pelé. É um símbolo, uma marca, e uma marca para sempre do Brasil que se despede de nós. Fica o símbolo, o exemplo do atleta perfeito, se é que existe perfeição humana, e que nos trouxe alegria, alegria de termos podido comemorar os seus feitos. Agora podemos comemorar a sua memória e tê-la sempre no nosso coração para orgulho de todos nós brasileiros”.

Zenaide Maia (PSD-RN)

Perdemos, hoje, a maior referência do esporte brasileiro, maior jogador de futebol de todos os tempos, ídolo de gerações e uma lenda do esporte. Pelé se foi, mas deixou o orgulho de termos um atleta brasileiro tão genial, reverenciado no mundo todo como o Rei do Futebol. Nossa solidariedade aos familiares e amigos! Que Deus receba o nosso eterno camisa 10, imortal nas nossas lembranças e no seu legado”. 

Mara Gabrilli (PSDB-SP)

Dia muito triste para o Brasil. Perdemos nosso maior ícone do futebol, nosso rei Pelé, que foi pioneiro em muita coisa e nos deu muita alegria e orgulho. Pelé não era soberano apenas nos campos. Desde sempre, pensou na Educação do nosso país e promovia a saúde, incentivando a vacinação de nossas crianças. Era um ídolo que sabia o peso de sua responsabilidade e a carregava com maestria e muito amor”.

Otto Alencar (PSD-BA)

Tive a graça de ver Pelé jogar e sem dúvida nenhuma é o maior da história. Meus sentimentos aos familiares e amigos do Rei Pelé. Que Deus conforte o coração de todos. O Brasil perde hoje um gênio que transformou a maneira de jogar, rei imortal do futebol”. 

Jaques Wagner (PT-BA)

Com pesar, Fatinha e eu recebemos a notícia da partida do Rei Pelé, que nos deixou aos 82 anos. Lenda do esporte, Pelé encantou o mundo com sua genialidade, seus gols incríveis e títulos históricos que jamais serão esquecidos. Nossa solidariedade aos fãs, amigos e familiares”. 

Plínio Valério (PSDB-AM)

Meu grande pesar , gratidão e solidariedade aos familiares e amigos do Rei Pelé nesse momento doloroso. O mundo e nós brasileiros reverenciamos seu profissionalismo e talento nos campos e na vida. Jamais será esquecido”.

Jader Barbalho (MDB-PA)

Recebi com tristeza a notícia da morte de Pelé, o maior jogador de futebol do mundo, que levou uma imagem positiva do Brasil em todos os cantos da Terra. Com certeza será estrela do time de Deus e continuará a brilhar nos campos celestiais. Meus sentimentos à família e ao povo brasileiro”.

Izalci Lucas (PSDB-DF)

O Brasil perde hoje o maior ídolo do nosso esporte. Pelé, o atleta do século, um jogador insubstituível. Além do atleta, o homem que representou tão bem o Brasil  em tantos espaços e ocasiões e inspirou gerações. Meus sentimentos aos familiares e aos fãs. Descanse em paz, pode ter certeza que o seu trabalho foi cumprido aqui na Terra”.

 

Eliziane Gama (Cidadania-MA)

Pelé era um ícone, um ídolo incomparável e um gênio. O Brasil deve muito a ele. Sua criatividade, eficiência e genialidade atraíram os olhares do mundo para o país. Que tristeza! Meus sentimentos à família, aos amigos e a todos os brasileiros enlutados.

Fernando Collor (PTB-AL)

Edson Arantes do Nascimento, o Rei Pelé, o maior jogador de futebol de todos os tempos, nos deixou nesta quinta-feira. O esporte mundial vive um dos dias mais tristes de sua história. Tive a felicidade de vê-lo em campo e o recebi, como presidente da República, no Planalto. A ele, concedi a medalha da Ordem Nacional do Mérito. A genialidade de Pelé, o atleta do século XX, marcou gerações e estará sempre viva na história do esporte”.

Tasso Jereissati (PSDB-CE)

Pelé foi um gênio da bola e durante toda a vida simbolizou o Brasil no que temos de melhor. Com sua genialidade, projetou nosso País para o mundo.Tive o prazer de conhecê-lo, ocasião em que revelou a simplicidade de uma verdadeira Majestade. Vá em paz, Rei Pelé. Seus súditos honrarão sua memória para sempre”.

Flávio Arns (Podemos-PR)

O Rei do Futebol nos deixou para definitivamente virar lenda. Aos 82 anos, Pelé, brasileiro conhecido mundialmente e o maior atleta do século XX, merece todas as homenagens dentro e fora dos campos. Foi gigante e seu reinado será eterno. Nossa solidariedade à família e ao Brasil”.

*Da Agência Senado