PSDB alfineta Joice: "Queiroz vai ser secretário dela?"

A possível disputa entre PSL e PSDB para a Prefeitura de São Paulo já tem gerado conflitos entre os partidos

qua, 11/09/2019 - 17:29
Valter Campanato/Agência Brasil Hasselmann é líder do governo no Congresso Nacional Valter Campanato/Agência Brasil

O ano de 2019 ainda nem começou, mas o meio político já se articula com força para as eleições municipais de 2020. Na cidade de São Paulo os ânimos já estão a mil com possíveis candidaturas, alianças e estratégias.

Um dos principais candidatos é o atual prefeito, Bruno Covas (PSDB), que vai disputar sua reeleição. Covas entrou no comando da Prefeitura de São Paulo após a ida de João Doria (PSDB) para o Governo do Estado.

A deputada federal Joice Hasselmann (PSL) é uma das cotadas a disputar a Prefeitura pelo partido do presidente Jair Bolsonaro. A possível candidatura de Hasselmann, no entanto, tem gerado alfinetadas entre o PSL e o PSDB.

O futuro coordenador da reeleição de Covas, Ricardo Tripoli, utilizou suas redes sociais nesta quarta-feira (11) para ironizar a candidatura de Hasselmann e polemizar a história envolvendo o ex-assessor do senador Flávio Bolsonaro, Fabrício Queiroz.

“Joice gosta de apontar o dedo para o PSDB, mas todos os partidos têm problemas. O Queiroz vai ser secretário dela?”, perguntou Tripoli, que não teve resposta da deputada Joice Hasselmann.

 

COMENTÁRIOS dos leitores