Piloto morre após queda de avião de pequeno porte em SP

Foi identificado que a aeronave era proveniente do Aeroclube de Bauru

Piloto morre após queda de avião de pequeno porte em SP

Um homem morreu após a queda de um avião de pequeno porte neste sábado (6) em Lençóis Paulista, no interior de São Paulo. De acordo com o Corpo de Bombeiros, o acidente aconteceu por volta de 14h11 às margens da Rodovia Marechal Rondon. Quando o planador foi encontrado, o piloto estava morto.

Segundo a Defesa Civil do Estado de São Paulo, o Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa) investiga as causas do acidente. Foi identificado que a aeronave era proveniente do Aeroclube de Bauru.

Em dezembro, a queda de outra aeronave de pequeno porte no interior de São Paulo deixou cinco mortos, entre elas, uma criança. Na ocasião, a Defesa Civil indicou que a queda poderia ter sido ocasionada pelas fortes chuvas no local. O avião caiu em uma praça de Jaboticabal.

As autoridades paulistas também buscam há uma semana um helicóptero desaparecido. As buscas ocorrem em uma área de cerca de 5 mil quilômetros quadrados. O helicóptero, com quatro pessoas a bordo, saiu da capital com destino a Ilhabela, no litoral norte de São Paulo, em 31 de dezembro.

A Força Aérea Brasileira explicou que o relevo da região, o tempo chuvoso e as cores do helicóptero (cinza e preto) dificultam as buscas. A Polícia Militar confirmou que estavam a bordo Luciana Rodzewics, de 46 anos, e sua filha Letícia Rodzewics Sakumoto, de 20, além do piloto, identificado como Cassiano Teodoro, e um amigo da família Rodzewics, Rafael Torres.