Réu pula em cima de juíza após ter liberdade negada

O ataque dentro do tribunal foi filmado por câmeras de vigilância

Após decidir pela continuidade do condenado Delone Redden na prisão, a juíza de Las Vegas, em Nevada, nos Estados Unidos, foi atacada pelo réu, nessa quarta (3). Ele pulou em cima da magistrada e precisou ser contido por seguranças do tribunal.

Momentos antes da decisão, Delone confessou ser culpado pelo crime de agressão agravado por lesões corporais. O advogado defendia o pedido de liberdade condicional através do pagamento de fiança.

“Acho que vale arriscar”, sugeriu o defensor. “Com esse histórico, não dá”, respondeu a magistrada Mary Kay Holthus, do Condado de Clark.

Após ouvir que ficaria mantido atrás das grades, Delone xinga a juíza e “voa” em cima dela. O áudio captado permite ouvir ele socando a mulher várias vezes e o alarme sendo acionado.

Seguranças do tribunal correram para interromper as agressões. Apesar do ataque, Mary Kay Holthus não ficou ferida. Por outro lado, um delegado que ajudou a interromper o ataque precisou ser hospitalizado.

A magistrada foi escoltada para fora do tribunal e todos os outros réus que aguardavam julgamento foram retirados do local.