Enfermagem faz paralisação nesta segunda em PE

Após atraso no pagamento do piso, categorias querem esclarecimento sobre correções e quais bases serão contempladas

Enfermagem faz paralisação nesta segunda em PE

Na manhã desta segunda-feira (25), trabalhadores da enfermagem de Pernambuco se mobilizarão, no Centro do Recife, para um dia de paralisação nas atividades. A decisão ocorre após assembleia de diversos sindicatos do segmento, frente ao atraso do piso salarial dos profissionais por parte do Governo de Pernambuco.

A governadora Raquel Lyra (PSDB) chegou a afirmar que o piso nacional seria pago à categoria no próximo dia 29 de setembro, mas os enfermeiros se queixam de que ainda há dúvidas sobre quais bases serão contempladas com o pagamento. 

“A gestora não explicou se todos os trabalhadores serão beneficiados, a exemplo dos que atuam nos serviços públicos (contratados e concursados), Organizações Sociais de Saúde (OSs), entidades filantrópicas e instituições que atendem até 60% do SUS”, diz o Sindicato Profissional dos Auxiliares e Técnicos de Enfermagem de Pernambuco (Satenpe) em nota. “Apesar da declaração da governadora, o movimento está mantido”, destacou o presidente do Satenpe, Francis Herbert.  

Além do pagamento feito diretamente aos profissionais, entidades filantrópicas e outros prestadores de serviço que atendem no mínimo 60% dos pacientes pelo SUS, sob gestão estadual, também deverão ser incluídos no recebimento, que será feito mediante folha extra.