‘Véia tarada’: ladrões ameaçam vazar nudes de vítima

Ela teve o celular roubado nesta sexta (22) e passou a ser chantageada pelos criminosos em troca de dinheiro

‘Véia tarada’: ladrões ameaçam vazar nudes de vítima

Uma mulher de 46 anos teve o celular roubado nessa quinta (21) e passou a ser chantageada pelos criminosos que pediram um PIX de R$ 500 para não vazar suas fotos íntimas. O crime ocorreu no bairro Cidade Ocian, em Praia Grande, no litoral de São Paulo.

Em entrevista ao g1, ela contou que voltava a pé para casa quando foi surpreendida por dois rapazes de bicicleta no momento em que tirou o celular do bolso para ligar para a filha.

“Puxaram o aparelho, deram risada e foram. Como eu fiquei em choque, eu gritei ‘pega ladrão’, mas já era. Não tinha muita gente [na rua] e o pessoal que estava na frente da academia deu risada”, contou.

O aparelho não tinha senha e os criminosos conseguiram acesso os arquivos pessoais facilmente. Cerca de meia hora após o roubo, os assaltantes enviaram uma mensagem para filha e começaram a pedir dinheiro para não publicar nudes da vítima: “Vai ficar famosa, véia tarada”.

“Eu pensei: ‘Eu não vou dar’, porque dá uma vez e vão ameaçar sempre […]. A minha preocupação eram eles publicarem, mas, Deus é tão bom que eu consegui bloquear para eles não mandarem as fotos. Nem tanto pela minha família, mas pelos meus amigos também, porque isso é uma vergonha”, relatou a vítima.

Ela disse que fez fotos nuas para o ex-namorado e não excluiu por não ter muita familiaridade com o aparelho. “Minha família está me chamando de tudo quanto é nome. Eu perdi o respeito de todo mundo. Ainda choro de lembrar que eu fui chamada de velha tarada”, afirmou.

Ela também indicou que buscou a delegacia e que iria registrar um Boletim de Ocorrência Eletrônico (BO).