Prefeitura de SP passa a recomendar máscara em escolas

O grupo ampliou a sugestão para escolas públicas e privadas como forma de se evitar casos não apenas de covid, mas outros vírus respiratórios

qua, 01/06/2022 - 15:04
Reprodução O aumento de casos é notado, segundo o boletim, em crianças e adolescentes Reprodução

O Comitê Municipal de Enfrentamento à Covid de São Paulo se reuniu na tarde desta quarta, 1º, para debater o retorno das máscaras em locais fechados e decidiu seguir a recomendação do Estado de uso da proteção, sem obrigatoriedade. O grupo ampliou a sugestão para escolas públicas e privadas como forma de se evitar casos não apenas de covid, mas outros vírus respiratórios.

Vinculado à Secretaria Municipal de Saúde, o grupo também recomendou que se intensifique a aplicação da dose de reforço da vacina contra o coronavírus na população em geral. Desde o início desta semana, adolescentes com 12 anos ou mais entraram no grupo alvo para a terceira dose da vacina.

Ao apresentar o panorama atual de transmissão de covid na cidade, o comitê relatou que o total de testes com resultado positivo para a doença passou de 4% em 30 de abril para 18% em 30 de maio. O aumento de casos é notado, segundo o boletim, em crianças e adolescentes, assim como "surtos" em unidades escolares a partir da primeira semana de maio.

A secretaria, no entanto, considera que, em função da sazonalidade e do início do outono, já era esperado um aumento das infecções por vírus respiratórios.

COMENTÁRIOS dos leitores