O 'fantasma' de Kiev: surge lenda urbana ucraniana

Um piloto não identificado teria se tornado o primeiro 'ás' desde a Segunda Guerra, após supostamente derrubar seis caças russos no ar. Vídeos viralizaram nas redes sociais

sex, 25/02/2022 - 12:00
Pixabay Imagem ilustrativa Pixabay

Após o presidente da Rússia, Vladimir Putin, autorizar a invasão das tropas militares russas na Ucrânia e sitiar a capital Kiev nesta sexta-feira (25), a lenda urbana do piloto de caça — 'Fantasma de Kiev' — se alastrou entre os ucranianos como uma esperança de que o “ás” tome alguma providência no conflito entre os países eslavos. O que torna a história ainda mais intrigante é o fato de o piloto não identificado estar sendo rotulado como "ás" por supostamente abater seis caças russos nos céus acima da cidade ucraniana. 

Apesar de nenhuma evidência para provar a existência do Fantasma de Kiev, alguns usuários de mídia social, no entanto, estão se inspirando no misterioso piloto enquanto apelidam seu suposto ato de “heroico”. Vídeos do suposto 'Fantasma de Kiev' estão se tornando virais e compartilhados massivamente nas redes. Muitas pessoas no Twitter estão chamando o piloto de "primeiro Ace europeu desde a Segunda Guerra Mundial". 

Um “ás” é um piloto que derrubou cinco ou mais aeronaves durante o combate, de acordo com a tecnologia de guerra aérea. O feito é extremamente difícil de realizar, o que justifica não ter acontecido (até agora) neste século. O que torna esse título tão complicado é que as mortes são de natureza ar-ar. 

Até agora, o Fantasma, que pilota um caça MiG-29, abateu dois caças SU-35, um SU-27, um MiG-29 e dois aviões SU-25. Às 4h20 no centro de Kiev, havia destroços claros caindo no centro da cidade. O Ministério da Defesa da cidade confirmou que conseguiu interceptar outra aeronave russa naquele momento. Se esta lenda urbana for confirmada e ele for o responsável pelo último avião abatido, este seria o sétimo na contagem do Fantasma de Kiev. 

Confira alguns dos vídeos em repercussão nas redes: 

Embed:

COMENTÁRIOS dos leitores

-->