Olinda: estabelecimentos interditados após irregularidades

Vigilância Sanitária do município notificou espaços que não cumpriram as regras de distanciamento social, devido à pandemia do novo coronavírus

por Paulo Uchôa sab, 01/08/2020 - 16:45
Divulgação/Prefeitura de Olinda Estabelecimentos em Olinda são interditados pela Vigilância Sanitária Divulgação/Prefeitura de Olinda

Nessa sexta-feira (31), a Vigilância Sanitária de Olinda deu início à operação que visa inspecionar o cumprimento de regras de retorno dos estabelecimentos comerciais. A ação contou com uma intensa fiscalização em bares e restaurantes, em meio ao decreto que flexibiliza critérios de reabertura gradativa dos espaços. Dos 17 empreendimentos que foram examinados, dois acabaram sendo interditados.

Já neste sábado (1º), o trabalho deu continuidade nos espaços situados na faixa da orla da cidade e também nos bairros de Jardim Fragoso e Rio Doce. De acordo com a Vigilância, a ideia das abordagens é para saber se os locais estão seguindo à risca as normas de segurança para o combate ao novo coronavírus. São supervisionadas a distância de mesas, a quantidade de clientes, além da fiscalização sobre os produtos de higiene disponíveis durante o funcionamento.

Segundo a diretora de Vigilância em Saúde de Olinda, Ana Virgínia Matos, é essencial que os moradores entendam a necessidade das normas e que colaborem no dia a dia. Ana declarou que "está sendo distribuída uma cópia do decreto, com todas as recomendações necessárias".

COMENTÁRIOS dos leitores