Vídeo: mulher tosse em voo e é imobilizada com ‘mata-leão’

Devido ao risco de contágio do coronavírus, os passageiros aguardaram sete horas para serem liberados

Uma chinesa foi imobilizada com o golpe ‘mata-leão’ após tossir em um avião da Thai Airways, em Xangai, na China. De acordo com testemunhas, a aeronave já havia aterrizado, mas devido ao risco de contaminação do coronavírus, os passageiros precisaram aguardar sete horas até que ela fosse examinada.

Mesmo antes dos procedimentos de segurança no pós-aterrisagem serem realizados, a mulher exigia que a porta do avião fosse aberta imediatamente. Para pressionar a liberação, ela se aproveitou do medo causado pelo Covid-19 e tossiu propositalmente contra comissários de bordo.

“Não podíamos abrir as portas do avião até que as instruções e as autoridades de saúde viessem para fazer as verificações. Portanto, a Thai Airways teve que esperar sete horas antes que os oficiais chegassem à fila de inspeção”, explicou o vice-presidente do departamento de segurança da aviação da companhia aérea, Lihana Ten Prathana Pattanasiri.

Ela foi pega pelo pescoço e colocada na poltrona. Um dos comissários ainda ameaçou algemá-la, segundo o The Sun. Após o pouso, ela foi entregue aos policiais, na última sexta-feira (6).

Confira