Aviões voltam a decolar de Hong Kong após dia caótico

Nessa terça-feira (13) manifestantes bloquearam o aeroporto, o oitavo do mundo em volume de passageiros, como parte dos protestos que sacodem Hong Kong há dez semanas

qua, 14/08/2019 - 07:16
Philip FONG Passageiros bloqueados no Aeroporto Internacional de Hong Kong em 14 de agosto de 2019. Philip FONG

A maioria dos voos previstos para a manhã desta quarta-feira (14) decolava normalmente do Aeroporto de Hong Kong, após uma terça (13) caótica, quando o local foi ocupado - pelo segundo dia consecutivo - por manifestantes pró-democracia.

Os manifestantes bloquearam o aeroporto, o oitavo do mundo em volume de passageiros, como parte dos protestos que sacodem Hong Kong há dez semanas.

Na tarde de terça-feira, os manifestantes impediram o acesso dos passageiros aos aviões, antes de enfrentarem a polícia de choque diante do terminal.

Mas na manhã desta quarta a maioria dos manifestantes já havia abandonado o aeroporto e as operações voltavam ao normal.

O site do aeroporto revelava que dezenas de voos partiram durante a noite e centenas estão programados para o dia, apesar dos atrasos.

Apenas um punhado de manifestantes permanecia no terminal aéreo, a maioria dormindo, constatou a AFP.

Não está claro se os manifestantes farão novos protestos no aeroporto nesta quarta-feira.

O movimento de protestos pró-democracia de Hong Kong não tem líderes definidos, mas é capaz de mobilizar rapidamente multidões através das redes sociais e aplicativos de mensagens.

Os ativistas mudaram o foco dos protestos para um aeroporto que é fundamental para a economia desta antiga colônia britânica, após semanas de grandes concentrações que degeneraram em confrontos entre a polícia de choque e ativistas radicais.

COMENTÁRIOS dos leitores