Metrô e CPTM realizam campanhas de combate ao assédio

De janeiro a março deste ano, já foram registrados 62 ocorrências de abuso sexual

seg, 29/04/2019 - 18:56

A CPTM e o Metrô de São Paulo têm intensificado as campanhas de conscientização e as ações de combate ao assédio. Para reforçar a segurança dos passageiros, agentes de segurança uniformizados e à paisana fazem rondas regulares em trens e estações, tanto do metrô quanto da CPTM. No ano passado, foram registrados 270 casos de abusos (133 na CPTM e 137 no Metrô). De janeiro a março deste ano, já foram registrados 62 ocorrências, sendo 34 na CPTM e 28 no metrô.

O monitoramento também é feito por meio de câmeras. Além disso, campanhas nas redes sociais e mensagens sonoras nos trens e estações incentivam os passageiros a denunciar caso presenciem casos de assédio.

As passageiras que sofrerem algum tipo de abuso devem informar o fato imediatamente a um funcionário, apontando o autor para que sejam conduzidos a uma delegacia. As equipes de segurança das empresas são treinadas para acolher as vítimas, dar orientações e oferecer a possibilidade de encaminhamento aos Distritos Policiais da região ou a uma Delegacia da Mulher.

Todos os passageiros podem enviar informações, fotos e vídeos de ocorrências pelo aplicativo Metrô Conecta, além do SMS Denúncia pelo telefone 97333-2252. Na CPTM, o SMS Denúncia atende pelo número 97150-4949.

COMENTÁRIOS dos leitores