Náutico anuncia novo patrocinador máster e presidente fala em incremento de receita

Apresentação aconteceu nesta segunda-feira (20), nos Aflitos

Náutico anuncia novo patrocinador máster e presidente fala em incremento de receita

Anúncio foi feito em coletiva de imprensa com o presidente Bruno Becker. Foto: Felipe Holanda/LeiaJá

O Náutico apresentou, nesta segunda-feira (20), o seu mais novo patrocinador master para o restante da temporada 2024. Trata-se de uma a casa de apostas, a Esportes da Sorte, que sucede a BetNacional, empresa do mesmo ramo. O anúncio foi feito através de uma coletiva de imprensa com o presidente alvirrubro, Bruno Becker, no auditório dos Aflitos. O contrato é de duas temporadas, com possibilidade de renovação automática.

Aos jornalistas, Becker deu detalhes da negociação com o novo patrocínio e falou em “incremento de receitas”. “Comunico, com muita satisfação e entusiasmo, nosso novo patrocinador. É o maior patrocínio da história, em termos de valores, e o valor a ser agregado pela empresa conosco. Nossa gestão tem tido responsabilidade, como buscamos e pregamos, e costuramos (eu e a diretoria) para conduzir preservando interesses do clube, sem problemas jurídicos, como em toda negociação. É muito importante esse patrocínio por conta de toda a negociação”, iniciou Becker.

“Eu sempre disse que o Náutico, antes de tudo, é um clube de futebol. Por isso, a maioria dos investimentos vai para o futebol, com muita responsabilidade. Esse contrato ajuda muito no incremento de receita. Vai nos ajudar a fazer ações que a gente sabe que precisam ser feitas. Então, é natural que isso aconteça”, acrescentou.

A cerimônia de lançamento também contou com a presença de Ícaro Quintero, COO da Esportes da Sorte. “É um prazer imenso estarmos como patrocinador master. Agradeço ao Náutico pela transparência e pela fácil negociação. Quando há um interesse mútuo para negociar, os problemas serão resolvidos mais facilmente. O Esportes da Sorte chega ao clube para agregar bastante e queremos chegar junto para levar o Timbu ao patamar que ele deveria estar. É um investimento bem considerável, com dois anos de contrato e podendo prorrogar”, falou.

Náutico vive má fase na Série C

Dentro de campo, o Timbu segue em busca de dias melhores. Vindo de duas derrotas consecutivas, para Ferroviária e Volta Redonda, pela ordem, a equipe da Rosa e Silva se vê obrigada a vencer o embate diante do Remo, no próximo sábado (25), nos Aflitos, para não se distanciar das primeiras posições na Série C do Campeonato Brasileiro. 

No momento, com uma vitória, um empate e duas derrotas, o Náutico soma quatro pontos e aparece na 11ª colocação. A distância para o Figueirense, que abre a zona de classificação à segunda fase, é de três pontos.