Ex-mulher de Palacios vende camisa do jogador para pagar apartamento

Yésica Frías vendeu o uniforme usado na Copa do Mundo do Catar

Ex-mulher de Palacios vende camisa do jogador para pagar apartamento

Yésica Frías vendeu a camisa para pagar apartamento. Foto: Reprodução/Instagram

A ex-mulher do meia argentino Exequiel Palacios viralizou nesta quinta-feira, ao divulgar a venda de uma camisa da seleção argentina que teria sido usada pelo jogador durante a Copa do Mundo do Catar em 2022. O motivo, segundo Yésica Frías, é o pagamento do apartamento que ela dividia com o jogador.

Pouco tempo depois do anúncio, a mulher postou uma foto com o comprador. Os dois seguravam a camisa de número 14, com um autógrafo de Palacios, atualmente no Bayer Leverkusen, da Alemanha. Outro story publicado no Instagram mostrava um suposto comprador da medalha de campeão mundial. O item, porém, destoa da que foi entregue aos jogadores após o título da argentina, em dezembro de 2022, no Catar, e parece uma réplica.

Em entrevista ao canal Ciudad Magazine, Yésica negou ter vendido a medalha. Ela disse que vendeu apenas a camiseta, que foi um presente. “O comprador da camisa. Uma parcela a menos!”, escreveu a mulher no Instagram.

Yésica e Palacios se conheceram em 2018 e casaram em 2021. Segundo a mulher, ela não conseguiu desenvolver sua vida financeiramente neste tempo e, por isso, vendeu camisa. Atualmente, ela é streamer na Twitch.

Yésica alega que Palacios não iria terminar de pagar o apartamento em que viviam por não saber se ele ainda iria usá-lo. Depois de publicar sobre a venda, a ex-mulher de Palacios compartilhou mensagens recebidas que a xingavam e outras que demonstravam apoio. “Há coisas que não quero deixar, porque são coisas que fizemos juntos. Mas se precisar… Porque eu tenho que ter o meu teto. Convém a ele que eu fique calada. Tem coisas que eu sei da seleção que não disse”, escreveu Yésica. Palacios não se manifestou publicamente sobre os posts da ex-mulher. Os dois estão em processo de divórcio. Yésica diz que ele ainda não assinou os documentos necessários para efetivar a separação.

O jogador atuou em um jogo na fase de grupos da Copa do Mundo de 2022, saindo do banco, contra o México No mata-mata, ele também ingressou contra Austrália, nas oitavas de final, e Croácia, na semifinal.