Aubameyang confirma lesão na mandíbula após assalto

Pierre-Emerick Aubameyang pode ficar um mês fora de ação por conta de uma lesão sofrida em sua mandíbula

Aubameyang confirma lesão na mandíbula após assalto

Fora dos últimos jogos do Barcelona, o atacante Pierre-Emerick Aubameyang pode ficar um mês fora de ação por conta de uma lesão sofrida em sua mandíbula, resultado de agressão de assaltantes que invadiram sua casa na noite de domingo. Ele confirmou o problema físico nesta quarta, pelas redes sociais.

“Eles machucaram a minha mandíbula, mas vou me recuperar rapidamente. E graças a Deus, ninguém mais foi agredido fisicamente”, escreveu o jogador do Gabão, em seu perfil no Instagram. De acordo com o site The Athletic, o atacante teria sofrido uma fratura na mandíbula, mas o atleta não confirmou.

Se a lesão vier a ser confirmada pelo Barcelona, Aubameyang corre risco de ficar um mês longe dos gramados, justamente num momento em que pode ser negociado. Fora dos planos do time espanhol para esta temporada europeia, o jogador é especulado no Chelsea. A janela de transferências da Europa será encerrada na noite de quinta-feira.

A casa de Aubameyang, localizada na cidade de Castelldefels, nos arredores de Barcelona, foi invadida no domingo segunda por quatro assaltantes que portavam armas e barras de ferro. O jogador estava em sua residência com sua esposa e filhos. Eles escaparam do local levando joias que estavam no cofre da família.

Sem dar maiores detalhes, a polícia informou que investiga o caso. O jogador de 33 anos não revelou o prejuízo com o assalto e nem revelou se os assaltantes levaram outros itens valiosos além das joias.

“Alguns covardes violentos invadiram nossa casa e ameaçaram minha família e meus filhos apenas para roubar algumas coisas”, lamentou Aubameyang, nesta quarta. “A sensação de que não estamos seguros nem mesmo dentro da nossa casa é difícil de entender e descrever. Mas, como família, vamos superar isso e ficar ainda mais fortes.”