Náutico perde do Brusque e acesso só com um milagre

Timbu segue na 9ª colocação da Série B com 45 pontos

por Geraldo de Fraga ter, 02/11/2021 - 21:05
Lucas Gabriel Cardoso/Brusque FC Brusque 4 x 3 Náutico Lucas Gabriel Cardoso/Brusque FC

Vencer para continuar sonhando com o acesso. Não havia outra opção para o Náutico, nesta terça-feira (2), diante do Brusque, em Santa Catarina. Os donos da casa brigam na outra ponta da tabela, para fugir do rebaixamento.

Nessas condições, previa-se um jogo aberto. O que ninguém esperava era ver uma quantidade tão grande de gols. No fim, deu Brusque, por 4 x 3, que respira na competição. Já o Timba, que sofreu sua segunda derrota seguida, depende de uma combinação improvável de resultados para subir. Atualmente, o clube está na 9ª colocação da Série B com 45 pontos 

O JOGO

O relógio marcava apenas 5 minutos quando o artilheiro do Náutico apareceu dentro da área para abrir o placar. Caio Dantas, pegou a sobra e soltou uma bomba no ângulo esquerdo de Ruan Carneiro. Mas a alegria alvirrubra nem durou muito. Aos 13, Tony recebeu lançamento de Rodolfo Potiguar, arrancou, ganhou de Rafael Ribeiro e tocou por baixo de Anderson para deixar tudo igual.

Só que Rafael Ribeiro queria se redimir pela falha. E, aos 21, ele conseguiu. Após um bate-rebate na área do Brusque,o zagueiro meteu o pezão para recolocar o Timbu a frente. Mas, de novo, não deu nem tempo de comemorar. Dois minutos depois, Luizão aproveitou uma bola cruzada e chegou batendo de primeira para empatar mais uma vez.

E antes do árbitro apitar o fim da primeira etapa, os donos da casa viraram a partida. Garcez, de cabeça, aproveitou uma bobeada da zaga pernambucana, em mais um cruzamento, e fez 3 x 2. O Brusque ainda teve chance de ampliar, mas Anderson salvou duas vezes.

O segundo tempo, porém, começou do mesmo jeito, com o Timbu marcado. A zaga catarinense afastou mal o lateral cobrado para dentro da área e Jean Carlos chegou batendo de primeira, no canto direito do goleiro. Tudo igual.

Mas o Timba acertava na frente e errava atrás. Garcez disparou pela esquerda e cruzou rasteiro para Jhon Cley chegar tocando e fazendo 4 x 3. O Náutico, a partir da, não teve mais forças para reagir e o placar ficou assim até o final.

FICHA TÉCNICA

Competição: Campeonato Brasileiro (Série B)

Local: Augusto Bauer (Brusque-SC)

Brusque: Ruan Carneiro; Toty, Éverton Alemão, Luizão e Airton; Rodolfo Potiguar, Zé Mateus, Fillipe Soutto e Jhon Cley; Garcez e Tony. Técnico: Waguinho Dias

Náutico: Anderson; Thássio (Matheus Trindade), Camutanga, Rafael Ribeiro e Júnior Tavares; Rhaldney, Matheus Jesus e Jean Carlos; Jailson (Álvaro), Caio Dantas e Vinícius. Técnico: Hélio dos Anjos

Gols: Tony, Luizão, Jhon Cley e Garcez (BRU); Caio Dantas, Rafael Ribeiro e Jean Carlos (NAU)

Arbitragem: Felipe Fernandes de Lima (MG)

Assistentes: Ricardo Junio de Souza (MG) e Fernanda Nândrea Gomes Antunes (MG)

Cartão amarelo: Jean Carlos (NAU)

COMENTÁRIOS dos leitores