Oposição estranha saída de Bivar da eleição e faz acusação

Presidente do Sport anunciou que não tentaria a reeleição

por Luan Amaral sex, 20/11/2020 - 17:53
Júlio Gomes/LeiaJáImagens/Arquivo O presidente do clube anunciou que não tentaria reeleição Júlio Gomes/LeiaJáImagens/Arquivo

Uma das chapas opositoras na eleição do Sport para o biênio 2021-2022, o "Movimento Uma Razão para Viver", que tem como como escolhido para presidente o advogado Eduardo Carvalho, soltou uma nota demonstrando certa 'estranheza' com a decisão de Milton Bivar de não concorrer ao pleito. A chapa acusa a gestão de tentar permanecer no cargo.

Segundo a nota, "Isso acontece ao mesmo tempo em que o mesmo dirigente, em cumprimento estrito ao que reza o estatuto do nosso clube, tenha a obrigação de designar a data para eleição que definirá a próxima administração do Sport Club do Recife". A oposição ainda levanta a possibilidade de Bivar decidir pela candidatura. "Não será surpresa".

“Diante do fato de não se ter uma data ainda para a eleição e nem como será realizado pleito, o que se vê é mais uma vez a tentativa do atual presidente de permanecer no cargo, pelo menos até o final do Campeonato Brasileiro em andamento. É preciso que se atente para o fato de que qualquer administração consequente, interessada de forma verdadeira na realização das eleições 2020, já teria providenciado a contratação do sistema capaz de viabilizar a eleição virtual", acusou Eduardo Carvalho que disputou contra Bivar em 2018 e novamente concorrerá na disputa.

Bivar, que dias atrás anunciou seu nome como candidato a reeleição, voltou atrás nesta quinta-feira (19) e decidiu pela retirada da candidatura. O motivo, segundo ele, é o desgaste que vem sofrendo devido à pressão diária no clube. Ele até insinuou que deseja morar fora do país quando deixar o cargo.

COMENTÁRIOS dos leitores