Com pendências na justiça, Série A2 do PE encerra 1ª fase

Classificados para quartas de final foram definidos no último final de semana, mas processo no TJD-PE pode fazer com que equipes percam a vaga

por Rodrigo Malveira seg, 31/10/2016 - 19:55

Se encerrou neste final de semana a primeira fase do Campeonato Pernambucano da Série A2, visando definir a ordem de confrontos da etapa do mata-mata, apenas uma das nove equipes participantes teoricamente deu adeus antecipadamente a competição, o Íbis. O pássaro preto terminou na lanterna, sem nenhuma vitória, na fase por pontos corridos. As oito equipes restantes começam a definir a partir do dia 12 de novembro quem serão os semifinalistas da competição.

Na última rodada, quatro jogos definiram o posicionamento final dos times. O Vera Cruz (3º) empatou em 1 a 1 com o Timbaúba (5º) no Carneirão, em Vitória de Santo Antão. Já no Vianão, Afogados da Ingazeira (1º) goleou o Ferroviário (8º) por 4 a 0. Outro confronto da última rodada aconteceu no Luiz de Brito Bezerra, Barreiros (4º) empatou em 0 a 0 com o Centro Limoeirense (6º). Encerrando a rodada Flamengo de Arcoverde (2º) derrotou a Cabense (7º) por 5 a 0 no Aureo Bradley.

Assim os prováveis confrontos da segunda fase do estadual ficariam definidos da seguinte forma: Ferroviário x Afogados da Ingazeira, Cabense x Flamengo de Arcoverde, Centro Limoeirense x Vera Cruz, e Timbaúba x Barreiros. Os jogos das quartas de finais serão decididos em confrontos de ida e volta.

Possível mudança

Com processos contra Barreiros, Ferroviário e Centro Limoeirense correndo no Tribunal de Justiça Desportiva de Pernambuco (TJD-PE) por escalação de jogadores irregulares, o Íbis, mesmo lanterna da competição sem ter vencido um jogo sequer pode garantir a classificação a próxima fase, caso a justiça decida pela eliminação de alguma destas equipes. Em primeira instância, os envolvidos perderam seis pontos e receberam uma multa de R$300. Todas as equipes recorreram e a decisão final será tomada em julgamento no próximo dia 3 de novembro.

LeiaJá também

--> As contas dos pernambucanos ao fim do brasileirão

--> Quero ser jogador: o caminho para se tornar profissional

COMENTÁRIOS dos leitores