Djokovic arrasa búlgaro na estreia em Xangai

qua, 10/10/2012 - 08:38

De olho na liderança do ranking, Novak Djokovic teve uma estreia fulminante no Masters 1000 de Xangai, na madrugada nesta quarta-feira. O sérvio precisou de apenas 54 minutos para superar o búlgaro Grigor Dimitrov por 2 sets a 0, com parciais de 6/3 e 6/2, e garantir vaga nas oitavas de final.

Atual número dois do mundo, Djokovic contou com grande aproveitamento no saque para derrotar o rival, 56º colocado no ranking. O sérvio acertou 91% dos pontos quando jogou com o primeiro serviço e ainda cravou 5 aces. Assim, não teve o saque ameaçado em nenhum momento da partida.

Djokovic também foi superior nas trocas de bola, o que lhe rendeu três quebras de saque - uma no set inicial e duas na segunda parcial. Com a vitória, o sérvio, que estreou direto na segunda rodada, se garantiu nas oitavas de final. Seu próximo adversário será o espanhol Feliciano López, que despachou o alemão Philipp Kohlschreiber por 6/3 e 6/4.

Em Xangai, Djokovic tem chances de desbancar Roger Federer e retomar a liderança do ranking. Para tanto, precisa se sagrar campeão e torcer para o suíço não alcançar as quartas de final do torneio. Federer fará sua estreia ainda nesta quarta.

Depois do passeio de Djokovic, o escocês Andy Murray teve ainda mais facilidade para chegar às oitavas. O número 3 do mundo, atual bicampeão em Xangai, nem precisou entrar em quadra para avançar, porque seu adversário, o alemão Florian Mayer, desistiu do torneio, alegando dores na coluna.

Outros favoritos ao título, o francês Jo-Wilfried Tsonga e o checo Tomas Berdych tiveram um pouco mais de trabalho para avançar. Tsonga derrotou o compatriota Benoit Paire por 7/6 (9/7) e 7/5, em 1h55min de partida. Na sequência, ele vai enfrentar o cipriota Marcos Baghdatis, que surpreendeu ao vencer o canadense Milos Raonic por 7/6 (7/4), 6/7 (5/7) e 7/6 (7/3).

Berdych, por sua vez, superou o italiano Andreas Seppi por duplo 6/3. Nas oitavas de final, o checo terá pela frente o norte-americano Sam Querrey, algoz do japonês Kei Nishikori, campeão em Tóquio, na semana passada. Também avançaram, nesta quarta, o suíço Stanislas Wawrinka e o ucraniano Alexandr Dolgopolov.

Nas duplas, o brasileiro Marcelo Melo, ao lado do croata Marin Cilic, derrotou a parceria formada pelo argentino Carlos Berlocq e Andreas Seppi por 6/3, 3/6 e 10/4. Na segunda rodada, Melo e Cilic vão encarar os poloneses Mariusz Fyrstenberg e Marcin Matkowski.

COMENTÁRIOS dos leitores