Luísa Sonza fala sobre saúde mental afetada por ataques

Mesmo antes das polêmicas relacionadas ao seu novo álbum, Escândalo Indecente, a cantora já sentia o gosto amargo dos comentários maldosos nas redes sociais

Luísa Sonza fala sobre saúde mental afetada por ataques

Luísa Sonza abriu o coração sobre os ataques que sofre na Internet devido sua vida amorosa ou até escolhas na carreira. Em entrevista para a Billboard, na qual é capa no mês de outubro, a cantora conta que os comentários online chegaram a afetar drasticamente sua saúde mental.

Mesmo antes das polêmicas relacionadas ao seu novo álbum, Escândalo Indecente, a cantora já sentia o gosto amargo dos comentários maldosos nas redes sociais. Em 2021, quando o filho de Whindersson Nunes, seu ex-marido, morreu após nascer prematuro, Luísa chegou a ser chamada de assassina.

“Comecei a tomar muito remédio para dormir, a ter medo da realidade. Fui me tratar com um psiquiatra até eu me recompor e fui levando tudo para um lugar um pouco mais racional”, conta ela.

Luísa ainda revela que começou a ter pesadelos, muitas vezes violentos:

“Às vezes, eu sonho com um assassinato, às vezes com as pessoas me torturando. Sonho, por exemplo, com um quarto de hotel onde tem um monte de gente me olhando. Às vezes, as pessoas estão tentando me matar, às vezes, eu estou com a mão cheia de sangue. É um monte de sonho assim, é bem pesado mesmo”.

A polêmica mais recente envolvendo o nome de Sonza foi o relacionamento dela com Chico Veiga. Depois de dedicar uma música para ele em seu novo álbum, a cantora revelou que foi traída pelo rapaz.