‘Barbie’ homenageia mulheres que buscam desaparecidos

O objetivo é fazer a empresa Mattel, fabricante da boneca icônica, contribuir com uma doação para o coletivo conseguir equipamentos de busca

‘Barbie’ homenageia mulheres que buscam desaparecidos

Aproveitando a repercussão mundial do lançamento do filme sobre a “Barbie”, uma ativista decidiu criar uma boneca “Barbie Searcher” para tornar visível a luta das mulheres que procuram seus parentes desaparecidos à força no México.

A nova boneca vestida de “buscadora” usa calça cargo camuflada, botas táticas, turbante na cabeça que evita queimaduras solares e poeira, além de camiseta com a imagem do irmão da defensora dos direitos humanos Delia Quiroa, que desapareceu em 2014 em Reynosa, no norte do estado de Tamaulipas.

Quiroa é líder do coletivo “Diez de Marzo” de busca de pessoas desaparecidas em Tamaulipas e responsável pela criação da boneca, cuja imagem faz analogia a uma mulher em busca de seus entes queridos.

O objetivo é fazer a empresa Mattel, fabricante da icônica “Barbie”, contribuir com uma doação para o coletivo conseguir equipamentos de busca, além de tornar visível o crime de desaparecimentos no México.

Em uma publicação nas redes sociais, ela ressalta que sua boneca faz parte de uma “campanha para chamar a atenção” para o problema dos mais de 111 mil desaparecidos no território mexicano.

“Fizemos uma ligação atenta para a Mattel solicitando uma doação e vamos juntos comprar dois caminhões para nossa busca e podemos emitir notas fiscais dedutíveis”, escreveu ela, acrescentando os dados de uma conta bancária para os interessados em fazer doações.

Da Ansa