Obras ganham referências nordestinas em mostra no Recife

Peças surrealistas são assinadas pelo artista plástico Heron Azul de Barros

qua, 01/06/2022 - 18:49
Andrey Lucas Obras surrealistas ganham referências nordestinas em exposição gratuita no Recife Andrey Lucas

Com a entrada gratuita, a Galeria 180Arts, no Bairro do Recife, recebe até o próximo dia 12 de junho uma exposição inédita e individual: Expo Azul. As obras do artista plástico recifense, Heron Azul de Barros, foram criadas a partir do personagem Bresdolédio, que não tem gênero definido e é fruto dos experimentos do artista, reunindo autenticidade e muita técnica.

As pinturas da mostra representam o lado extrovertido do ser humano, com mistura de cores, baseada na abstração das imagens, dos sonhos e dos pensamentos do artista. Outro destaque da exposição é a composição abstrata que faz referências às estéticas culturais nordestinas, como as vestes dos folguedos populares e as estampas carnavalescas.

De acordo com Heron, que também atua como cenógrafo e arquiteto, o projeto inovador é uma forma de apresentar um conceito de interação artística em Pernambuco. "Azul representa o lançamento da arte da grafitagem em um novo modo de exibição, guiado por aspectos visuais mais interativos e menos convencionais", detalha o pernambucano.

A artista plástica Sandra Buarque de Macêdo é a responsável pela curadoria da exposição. Precursora há mais de 30 anos em Pernambuco no uso do spray com técnicas de Estêncil, a empreendedora é a fundadora da companhia de artes que leva seu nome.

Segundo Sandra, o surrealismo europeu ressurge em Recife sob as pinceladas do artista do Mangue do Pina, Azul de Barros, que nos faz sonhar numa realidade colorida, alegre, sofrida e harmonicamente bela através de Bresdolédio, um personagem que tem reações expressivas ao momento em que está vivendo.

Serviço

Expo Azul

Até 12 de junho | das 10h às 19h

Galeria 180Arts - Rua da Guia, 207, Bairro do Recife

Entrada gratuita

Da assessoria

Tags:

COMENTÁRIOS dos leitores