Polícia divulga causa da morte de Marília Mendonça

Cantora e mais quatro pessoas morreram de politraumatismo, lesões ocasionadas pela queda do avião

por Paulo Uchôa qui, 25/11/2021 - 17:16
Paulo Uchôa/LeiaJáImagens/Arquivo Marília Mendonça morreu de politraumatismo, diz Polícia Civil de Minas Gerais Paulo Uchôa/LeiaJáImagens/Arquivo

Nesta quinta-feira (25), a Polícia Civil de Minas Gerais divulgou a causa da morte da cantora Marília Mendonça. Foi relatado que a artista e mais quatro pessoas morreram de politraumatismo, lesões ocasionadas pela queda de avião no dia 5 de novembro, na região mineira de Caratinga.

De acordo com o médico-legista Thales Bittencourt de Barcelos, as vítimas não resistiram devido ao choque da aeronave no solo. Outro assunto envolvendo a morte da sertaneja, do piloto, copiloto, assessor e produtor é a comunicação da cabine do bimotor. Um piloto que fez um pouso 20 minutos depois do acidente afirmou que não ouviu do rádio relato de problema do avião que transportava Marília.

Em depoimento à Polícia Civil, o piloto disse que o avião da cantora já estava em processo de aterrissagem. A polícia também não descarta a possibilidade de que as linhas de transmissão da torre da Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig) teriam provocado o acidente.

"A gente avançou com essa oitiva. Não descartamos nenhuma possibilidade. Mas há fortes indícios que as linhas de transmissão teriam sido as causadoras do acidente", explicou o delegado Ivan Lopes Sales, segundo informações do G1. O Ministério Público Federal (MPF) em Minas Gerais está acompanhando as investigações do caso.

COMENTÁRIOS dos leitores