Sites de relacionamento ‘sugar’ crescem na quarentena

Plataformas que conectam pessoas interessadas em relacionar-se em troca de benefícios e até dinheiro deu um salto no número de inscritos após o início do isolamento social

por Paula Brasileiro qui, 07/05/2020 - 14:04
Pixabay Sites de sugar daddies e sugar babbies estão em alta nesta quarentena. Pixabay

Relacionamento sugar é aquele no qual um homem ou uma mulher paga pela companhia do parceiro, ou parceira, com ou sem o envolvimento de sexo. Para os interessados nesse tipo de relação- os chamados sugar mommies, sugar daddies e sugar babies - existem alguns sites que facilitam seus encontros. Após o início do isolamento social, consequência da pandemia do novo coronavírus, esses sites viram seus números de inscritos crescerem em até 80%. 

Uma dessas plataformas, a Meu Patrocínio, viu a quantidade de inscritos saltar desde o começo da pandemia. O número de 20 mil pessoas que costumavam se inscrever diariamente no site pulou para 36 mil, um aumento de 80%. O número de mensagens trocadas entre os participantes da rede também cresceu, de 136 mil para um milhão por dia.

Outro site do tipo, o Universo Sugar também cresceu. Na primeira semana do isolamento, o número de cadastrados subiu 23%. No mesmo período, o site de  relacionamentos chegou a quase triplicar a média diária de permanência na plataforma, saltando de 15 para 56 minutos, um aumento de 273%. 

Além da quantidade de pessoas confinadas em suas casas, o que representou um aumento no uso das redes sociais de maneira geral, esses sites também têm oferecido promoções para atrair novos usuários. No Universo Sugar, pessoas acima de 60 anos podem se inscrever gratuitamente durante a pandemia e no Meu Patrocínio, foi liberado o acesso de daddies e mommies  por três dias. Babies não pagam para se cadastrar. Ambas as plataformas, no entanto, encorajam o isolamento social e aconselham aos usuários para deixar os encontros para depois que a pandemia passar. 

COMENTÁRIOS dos leitores