Quartelada Teatral incentiva apoio à dramaturgia paraense

Quatro espetáculos no Teatro do Desassossego, em Belém, de março a junho, mostram o trabalho do grupo Coletivas Xoxós

qui, 20/02/2020 - 16:09

O Coletivas Xoxós dá início, neste semestre, a um circuito autoral em um evento intitulado Quartelada Teatral. Serão apresentados quatro espetáculos solos da atriz Andréa Flores, todas as quartas-feiras do mês, às 20 horas, de 4 de março a 24 de junho, no Teatro do Desassossego.

O circuito começa com o espetáculo “mEU pOEMA iMUNDO”, um compilado de cenas baseadas nas relações que a encenadora Wlad Lima, por causa do sobrepeso, tem com objetos de sentar. Em seguida, na dramaturgia “Rala, Palhaço!”, Andréa Flores brinca com uma casinha de bonecas enquanto relata, sem usar a voz, a cura de um relacionamento abusivo. Em “Curupirá”, resultado da tese de doutoramento da atriz, Andréa Flores pesquisou o riso ameríndio. Na última quarta-feira do mês, “Divina” mostra um antigo trabalho sobre histórias familiares e ancestralidade.

Coletivas Xoxós é um grupo de teatro liderado por mulheres, fundado em 2015. Prestes a completar cinco anos de existência, a equipe busca estimular as produções a partir do protagonismo feminino. O grupo também tem compromisso com a divulgação do teatro paraense. 

Serviço

Venda de ingressos com a produção do evento, pelo número (91) 98204-5030, ou no Teatro do Desassossego, na rua Dr. Malcher, 287, Cidade Velha, nos porões da Casa Cuíra, a partir das 19 horas do dia da apresentação.

Preços: R$ 30,00 (com meia-entrada para estudantes).

Capacidade máxima: 20 lugares.

Por Yasmin Seraphico (com informações de Danielle Cascaes, assessoria do evento).

 

COMENTÁRIOS dos leitores