Aldo Vilela

Aldo Vilela

Jornalista

Os Blogs Parceiros e Colunistas do Portal LeiaJa.com são formados por autores convidados pelo domínio notável das mais diversas áreas de conhecimento. Todos as publicações são de inteira responsabilidade de seus autores, da mesma forma que os comentários feitos pelos internautas.

Lula segue imbatível mesmo na prisão, Ibope mostra números

Aldo Vilelaqua, 25/04/2018 - 10:09

De novo o ex-presidente Lula aparece forte em pesquisas de opinião, desta vez uma pesquisa do Ibope para a Band News, divulgada na noite desta terça-feira, 24, mostra que, mesmo em prisão política, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva lidera a preferência no estado de São Paulo, com 22%. Jair Bolsonaro (PSC) aparece em segundo, com 14% e Geraldo Alckmin (PSDB), que acabou de renunciar ao governo do Estado, aparece em terceiro, com 12%. Marina tem 9%, Joaquim Barbosa, 8%, Ciro Gomes aparece com 3%, enquanto Álvaro Dias tem 2. Com 1% aparecem Flávio Rocha, Guilherme Boulos, Manuela D'Ávila, João Amoedo, Michel Temer e Rodrigo Maia. Na corrida para o governo de São Paulo, João Doria (PSDB): 24%, tecnicamente empatado com Paulo Skaf (MDB), com 19%. Luiz Marinho (PT) tem 4%, Márcio França (PSB) aparece com 3% e Rogério Chequer (Novo): 2%. A pesquisa foi encomendada pela Band. O Ibope ouviu 1.008 eleitores entre os dias 20 e 23 de abril. A margem de erro é de três pontos percentuais, para mais ou para menos. O nível de confiança é de 95%, o que quer dizer que, se levarmos em conta a margem de erro de três pontos, a probabilidade de o resultado retratar a realidade é de 95%. A pesquisa foi registrada com no Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo (TRE-SP) sob o protocolo Nº SP-02654/2018, e no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob protocolo Nº BR-00314/2018. (SP 247)

Pernambuco de Verdade chega ao Recife e RMR

A Bancada de Oposição na Assembleia Legislativa de Pernambuco ampliará, a partir desta quinta-feira (26), as visitas a obras paralisadas na Região Metropolitana do Recife. O objetivo do grupo oposicionista, que tem visitado as microrregiões do Estado desde 2015, é revelar a realidade enfrentada pela população pernambucana, o que é diferente na propaganda mostrada pelo Governo do Estado. A ampliação das visitas foi definida após uma série de fiscalizações.

Cobranças a Paulo Câmara

Entre os problemas encontrados recentemente está a falta de médicos, superlotação no setor de obstetrícia e emergências do Hospital Agamenon Magalhães, abandono das estações que integram o projeto de Navegabilidade do Rio Capibaribe, VLT da Avenida Norte, entre outros.

Mais fiscalização

Nos meses de maio e junho, a Oposição irá ampliar na fiscalização e monitoramento das ações do governo estadual. Estudos da Bancada Oposicionista já apontam que quase 70% das promessas do Programa de Governo do governador Paulo Câmara até agora não foram cumpridas. Além disso, debater e debates com a população, sindicatos, movimentos sociais e lideranças os principais problemas encontrados.

Balanço

Em todo o ano de 2017, o Pernambuco de Verdade visitou mais de 80 cidades do Estado, do Litoral ao Sertão. A Bancada visitou o Sertão do Pajeú, Sertão do Moxotó, Sertão do Araripe, Sertão do São Francisco, Agreste Setentrional, Agreste Meridional, Agreste Central, Zona da Mata Norte e Zona da Mata Sul.

Pancada continua

A Bancada continuará revelando o Pernambuco de Verdade das pessoas, diferente do que o governo mostra nas peças publicitárias. Ainda de acordo com a Oposição, segundo o Tribunal de Contas do Estado, mais de 1,5 mil obras estão paralisadas em todo estado, Pernambuco está entre os principais estados nos índices de desemprego do Brasil e está perdendo espaço para outros estados como a Bahia e Ceará.

Aprovado parecer para reduzir falências na penhora de bens 

O plenário do Senado aprovou, nesta terça-feira (24), projeto de lei substitutivo do senador Armando Monteiro (PTB-PE) regulamentando a penhora de bens de sócios e administradores para evitar o desestímulo à criação de empresas. Oriundo da Câmara dos Deputados, o projeto, que retorna à Câmara por ter sido modificado por Armando, determina a penhora por dívidas trabalhistas ou débitos não pagos a consumidores quando houver fraudes e má-fé do empresário.

O projeto

Vai proibir a penhora por iniciativa isolada do juiz – somente quando houver ação das partes prejudicadas ou do Ministério Público - e nas dívidas não honradas ao consumidor quando ocorrer “administração temerária” da empresa. Neste caso, também não poderão ser confiscados bens adquiridos pelo empresário antes de ingressar ou constituir a empresa. “Muitos empresários de boa-fé acabam naufragando economicamente e não podem ser punidos por isso”, justifica o senador pernambucano.

A fala do senador

“A banalização do confisco de bens pelos tribunais brasileiros tem sido um dos fatores que mais provoca desestímulo à criação de novas empresas, bem como motivo da falência de muitas outras, além de desincentivar a geração de empregos”, acentuou Armando Monteiro. Segundo ele, o objetivo do seu projeto substitutivo “é uniformizar as aplicações dos procedimentos e parâmetros” sobre penhora de bens no novo Código de Processo Civil, na legislação da reforma trabalhista e no Código do Consumidor.

Deputado Álvaro Porto ataca governo do Estado e cobra segurança

Com um diagnóstico da situação de delegacias e destacamentos da Policia Militar visitados em 12 municípios da Mata Sul e do Agreste Meridional, entre quinta (19.04) e sexta-feira (20.04), o deputado Álvaro Porto afirmou, em discurso nesta terça-feira (24.04), que o Pernambuco da publicidade está bem distante do Pernambuco real. “No balanço que se pode fazer, fica claro que o combate à violência nunca foi e continua não sendo prioridade no Governo de Paulo Câmara (PSB)”, disse.

A fala do deputado

“Num quadro bem distinto daquele pintado pelo Palácio do Campo das Princesas, que comemora redução mínima de homicídios num estado afundado em recordes de crimes, a precariedade de delegacias e destacamentos da Polícia Militar desfaz toda a maquiagem usada pelo governo”, assinalou. "Não é razoável aplaudir redução de mortes quando se sabe que nos três primeiros meses deste ano o estado somou mais de 1.230 homicídios", afirmou. 

Visitas

O deputado esteve em Ipojuca, Serinhaém, Rio Formoso, Tamandaré, Barreiros, São José da Coroa Grande, Água Preta, Jaqueira, Maraial, Canhotinho, Angelim a São João.  “Visitamos prédios, conversamos com homens e mulheres que atuam no combate ao crime e vimos que a precariedade que há anos impõe limite ao esforço e à dedicação dos policiais continua a existir”.

Sem dar trégua

De acordo como o deputado, além da realidade de desestruturação, descaso, falhas, desconforto, desumanidade, insalubridade, humilhação policiais são obrigados a lidar com censura. “Na Mata Sul, após a nossa denúncia sobre a precariedade das instalações e equipamentos da delegacia de São José da Coroa Grande, em fevereiro, foi expedida uma ordem para que os policias silenciem sobre as condições de trabalho”. 

Cabo antecipa salários

Os servidores do Cabo de Santo Agostinho vão receber seus salários antecipados este mês. A Prefeitura começa a pagar, hoje, aposentados, pensionistas e algumas Secretarias. A folha de pagamento dos cerca de 6 mil funcionários é de R$ 29 milhões. De acordo com as novas datas, amanhã (26), receberão os profissionais da Educação.

Caixa seguro

Pela programação depois de amanhã, sexta-feira (27), o funcionalismo da Secretaria de Saúde. A previsão inicial era de que o calendário fosse de 26 a 30 de abril. “Temos, na próxima semana, o feriado de 1º de maio, Dia do Trabalhador. E como já dispomos do provisionamento financeiro, é uma forma de garantir que o funcionalismo faça sua programação em família e, ao mesmo tempo, movimente a economia local”, diz Sizenalda Timóteo, secretária de Finanças e Arrecadação.

Revisão de gastos

O Plenário do Senado aprovou, na noite de ontem, parecer do senador Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE) favorável a projeto de lei (PLS 428/2017-Complementar) que obriga o governo federal a enviar anualmente, ao Congresso Nacional, um plano de revisão das despesas públicas.

Candidato fraco

Os congressistas do PSDB estão inquietos com o mau desempenho de Geraldo Alckmin. Numa tentativa de acalmá-los, o presidenciável reúne-se nesta quarta-feira, em Brasília, com as bancadas do tucanato na Câmara e no Senado.

Os motivos do pânico

A preocupação de deputados e senadores aumentou depois da divulgação da última pesquisa do Datafolha, que atribuiu a Alckmin entre 7% e 8% das intenções de voto, dependendo do cenário. A sondagem revelou que, além de permanecer abaixo dos dois dígitos, Alckmin começa a cair ainda mais em São Paulo.


Paulo Câmara tenta salvar Estaleiro Atlântico Sul

Aldo Vilelater, 24/04/2018 - 11:30

O governador Paulo Câmara e o ministro dos Transportes, Portos e Aviação Civil, Valter Casimiro, estiveram nas instalações do navio Castro Alves – primeiro petroleiro do tipo Aframax construído aqui no litoral sul com produção e montagem 100% feitas em terras nossas. Fabricada no Estaleiro Atlântico Sul (EAS), no Complexo Industrial de Suape, a embarcação é uma das duas que serão lançadas na próxima sexta-feira (27.04), juntamente com a Skandi Recife, embarcação do tipo PLSV (Pipe Laying Support Vessel). Ambas foram financiadas pelo Fundo da Marinha Mercante (FMM), somando um total de R$ 1,25 bilhão de investimentos. O EAS está passando por um período difícil, está sem encomendas para os próximos dias e isso poderá fazer com que a empresa inicie o processo de demissão dos seus quase 4 mil funcionários. Tudo passa por uma ação de governo, se o governo federal determinar , a Petrobrás poderá encomendar navios ao estaleiro o que vai fazer com que os empregos sejam mantidos e novos empregos surjam. Claro que isso passa por uma questão de força política e cabe ao governo de Pernambuco pressionar o governo federal. O governador falou, “Vim aqui, hoje, junto com o ministro para que ele conhecesse como funciona o Estaleiro Atlântico Sul. E, sem dúvida, ele sai daqui sensibilizado de que é muito importante e estratégico nós termos uma política de confiança nacional que possa garantir ao Estaleiro Atlântico Sul e outros aqui em Pernambuco que possam ter encomendas, porque eles vão dar conta do recado. É um setor estratégico, que toda nação tem que ter como prioridade. Sabemos da importância dessa indústria para Pernambuco e tudo que eles avançaram. Hoje, é um estaleiro de nível mundial, com uma produtividade altíssima. Fruto da aposta em Pernambuco e da qualificação da mão de obra pernambucana”, destacou o governador.

Operação Inverno começa nesta quarta 25 em São Lourenço

Começa nesta quarta-feira (25),  no bairro de Rosina Labanca, a Operação Inverno em São Lourenço da Mata. As ações, sob a responsabilidade da Secretaria de Infraestrutura, visam unir esforços para evitar riscos e prejuízos à população em virtude do período das chuvas. A operação vai contar com 110 profissionais, além de máquinas e equipamentos, trabalhando em serviços variados, que vão da limpeza de canais à manutenção da iluminação pública.

Ações locais

“Trata-se de um esforço conjunto e ampliado, pois estamos indo além das ações diretamente vinculadas às ações preventivas às chuvas”, diz o prefeito Bruno Pereira. De acordo com a Secretaria de Infraestrutura, os trabalhos serão desenvolvidos em várias frentes. Uma delas é a limpeza e desobstrução do sistema de macro e microdrenagem - canais, canaletas, galerias e sarjetas. O entupimento desses sistemas, em geral por lixo, pode ocasionar alagamentos e transtornos à população.

Mais ações

Ainda incluída no pacote de serviços, serão realizados trabalhos de limpeza da vegetação ao longo das margens da principal rodovia que corta São Lourenço da Mata, a PE-05. Outras avenidas importantes da cidade também serão contempladas pela Operação Inverno.

Presidente Temer sanciona Lei de crimes com uso de explosivo

Foi sancionada pelo Michel Temer a lei que aumenta a pena para quem praticar roubos ou furtos usando explosivos. A nova qualificadora aumentará a pena em até dois terços. Furtar ou roubar material explosivo também se tornou uma qualificadora.

O projeto

Em seu bojo, a Lei traz uma obrigação para as instituições bancárias: a instalação de tecnologia capaz de inutilizar as cédulas roubadas. As alternativas podem ser manchar as notas, lançar pó químico ou até ácido sobre elas ou, até mesmo, incinerá-las.

No caso de haver lesão corporal grave durante assalto resultante do uso de explosivos, a pena também muda. Passa de 7 a 15 anos de reclusão, para de 7 a 18 anos.

Estados aderem a requerimento de Minas Gerais para partilha de recursos

O Colégio Nacional de Procuradores-Gerais dos Estados e do Distrito Federal (Conpeg) encaminhou ofício, nesta segunda-feira (23/4), ao presidente Michel Temer por meio do qual os Estados de Acre, Amapá, Bahia, Ceará, Maranhão, Pará, Paraíba, Paraná, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte, Rondônia, Roraima, Sergipe, Tocantins e Distrito Federal manifestam apoio ao pedido formulado pelo Estado de Minas Gerais para que o governo federal realize a repartição da parcela desvinculada das contribuições sociais com os Estados e o Distrito Federal. Estima-se que, apenas em 2017, sejam devidos aos estados R$ 20 bilhões referentes à Desvinculação das Receitas da União (DRU). Os Estados também requerem que sejam apurados os valores que deixaram de ser repassados nos últimos cinco anos, abatendo-os das dívidas dos Estados com a União.

Tadeu Alencar ressalta importância do Estaleiro Atlântico Sul

Em visita ao Estaleiro Atlântico Sul (EAS), em Suape, nesta segunda-feira (23), o deputado federal Tadeu Alencar, líder do PSB na Câmara a partir de junho, reforçou sua defesa pela aprovação do projeto de lei 9.302/2017, que estabelece um mínimo de conteúdo local às empresas que atuarão no pré-sal. O parlamentar acompanhou a visita ao EAS numa comitiva que reuniu o ministro dos Transportes, Valter Cassimiro, o governador Paulo Câmara, e parlamentares. Segundo Tadeu, a aprovação da medida visa preservar empregos e investimentos que mudaram a face econômica do Estado na última década.

Visita de salvação

Na visita, o presidente do EAS, Harro Burmann, fez uma explanação sobre o ganho da capacidade técnica do estaleiro durante os anos, de seu elevado grau de eficiência e competitividade atualmente. Mas pontuou que os estaleiros nacionais ficam em grande desvantagem ao concorrer com os sediados em outros países em razão da infraestrutura e da carga tributária brasileiras, que encarecem de forma significativa os custos de produção no País. Segundo o EAS, as encomendas à empresa se encerram em maio de 2019 e caso não haja novos pedidos, a empresa terá que demitir pessoal já no final deste ano e poderá até encerrar as atividades, fechando 3,6 mil postos de trabalho.

Conhecendo as obras e o potencial

A comitiva conheceu o Castro Alves, primeiro navio Aframax construído no Brasil e com fabricação 100% pernambucana - uma das duas embarcações que serão lançadas na próxima sexta-feira (27), juntamente com a Skandi Recife, embarcação do tipo PLSV (Pipe Laying Support Vessel). Ambas foram financiadas pelo Fundo da Marinha Mercante (FMM), somando um total de R$ 1,25 bilhão de investimentos.Tadeu Alencar afirmou que a aprovação do projeto de lei de conteúdo nacional dará estabilidade a investidores e trabalhadores. Pelo texto, em média, 40% dos produtos e equipamentos a serem utilizados no pré-sal teriam que ter origem nacional.

Regra de proteção

O deputado defende a regra de conteúdo local como uma etapa de transição, com a diminuição dos percentuais de nacionalização dos produtos durante os anos. Essa medida, segundo o parlamentar, é de proteção da economia local e dos empregos, já que os estaleiros ainda precisam de medidas de incentivo do estado brasileiro para enfrentar concorrentes internacionais. “Sem esse incentivo e essa salvaguarda, a indústria nacional não tem condições de competir, visto que o chamado ‘custo Brasil’ encarece a nossa produção”, avalia.

Administração de Fernando de Noronha promove curso sobre Técnicas de Recepção

Entre os dias 23 e 27, a Administração da Ilha de Fernando de Noronha, por meio da Superintendência de Turismo, Cultura e Esportes, em parceria com o Sebrae e a Associação de Pousadas e o Sebrae, realiza o curso “Técnicas de Recepção para Meios de Hospedagem”. O curso é voltado para profissionais que atuam ou desejam atuar em recepções e todos os tipos de meios de hospedagem.

Capacitação

Durante capacitação serão repassadas técnicas de recepção, de portaria social, telefonia, reservas e vendas, postura no atendimento, entusiasmo na recepção do visitante e fundamentos do turismo. O treinamento, com carga horária de 20h/aula, será realizado das 18h às 22h, na sede da Associação de Pousadas.

Secretaria de Trânsito de Olinda muda trânsito no entorno do novo shopping

Com a chegada do Shopping Patteo Olinda, em Casa Caiada, o trânsito de veículos na região do centro de compras precisou passar por mudanças. A ideia da Secretaria de Transportes e Trânsito (STT) do município é tornar o fluxo de veículos mais fácil para quem for usufruir do shopping, sem causar transtornos aos demais motoristas que estiverem apenas de passagem pela localidade. As mudanças estão sendo colocadas em prática já a partir desta segunda-feira (22). A inauguração do mall está marcada para esta quarta-feira (25).

Mudanças

A principal alteração do trânsito em Olinda é a criação de um binário que envolve as ruas Eduardo de Morais (por trás do Walmart), Professor Marculino Botelho (na frente do Walmart) e a retirada do giro a esquerda na Av. Carlos de Lima Cavalcanti, que foi substituído pelo loop de quadra usando Maria Judith Lins (paralela à Av. Carlos de Lima Cavalcanti). Até esse domingo (22), as duas primeiras funcionavam com o fluxo de veículos em mão dupla, e a Rua Maria Judith Lins não contava com calçamento.

Oportunidades

A partir da implementação das mudanças geradas pela chegada do Shopping Patteo, a rua Prof. Marculino Botelho será mão única, ligando a Avenida José Augusto Moreira à Rua Maria Judith Lins (cruza a Av. Carlos de Lima Cavalcanti). A Rua Eduardo Morais também será mão única, no sentido contrário, ligando a Rua Maria Judith Lins à Av. José Augusto Moreira. Após receber uma cobertura asfáltica, a Maria Judith Lins será usada, em mão dupla, como loop de quadra para retorno a Rua Eduardo de Morais.


Mendonça Filho é o nome do DEM para ser o candidato a vice na chapa de Geraldo Alkmin. Vai querer ?

Aldo Vilelaseg, 23/04/2018 - 11:40

O PSDB tem o nome do deputado Mendonça Filho (DEM-PE) na prateleira de temperos para a vice de Geraldo Alckmin. Conhecido de todos os pernambucanos, já foi deputado , vice governador, governador, ministro e agora pode ser alçado ao posto de vice de Geraldo Alkmin nas eleições deste ano. A mídia do sul diz que ele é nordestino e passou incólume pelo Ministério da Educação de Temer. Depende apenas da desistência do sonho presidencial de Rodrigo Maia. Mendonça é o meu convidado no meu programa da rádio CBN Recife 105,7 FM, hoje as 15hs em um debate que terá duração de uma hora. Vamos ouvir do deputado e ex-ministro o que ele tem a dizer do processo eleitoral e agora desse novo desafio que poderá ser uma disputa nacional.

Estudantes do Juá recebem Escola Municipal Maria Felix de Lima totalmente requalificada

A prefeita de Caruaru, Raquel Lyra, continua com sua agenda de reinaugurações de escolas e creches na cidade e na área rural. Na tarde da última sexta-feira (20), a população do Sítio Juá, no segundo distrito, conferiu de perto a nova estrutura da Escola Municipal Maria Felix de Lima, que, além de reformada, foi ampliada com o objetivo de assegurar mais conforto e segurança para os 586 alunos matriculados.

A fala de Raquel

“Além da ampliação e requalificação do prédio, que estava bem deteriorado, nós estamos garantindo aos estudantes mobiliário e equipamentos novos para assegurar o desenvolvimento escolar, a permanência do alunado na unidade estudantil, a valorização e o resgate da dignidade”, afirmou a prefeita.

BBC faz uma ampla matéria sobre Forum privilegiado no Brasil, abaixo reprodução em detalhes, vale apena se inteirar

Quarenta e oito políticos com foro privilegiado que estão sendo investigados ou foram denunciados na operação Lava Jato correm o risco de ter seus casos enviados à primeira instância caso não consigam se reeleger em outubro.

A BBC Brasil listou os políticos que estão na mira da força-tarefa mas que, por terem foro privilegiado, respondem em cortes superiores, onde o andamento dos processos costuma ser mais lento. Boa parte do grupo deverá tentar a reeleição, o que garantiria a manutenção do foro privilegiado.

Ninguém é poupado

A lista inclui o presidente Michel Temer, três governadores, dez senadores e 34 deputados federais.

Não estão na lista políticos citados em delações da Lava Jato, mas que tiveram os processos arquivados ou desvinculados da operação, nos casos em que a Justiça avaliou que as denúncias não tinham relação com o desvio de recursos da Petrobras.

Caso os políticos não se reelejam e percam o foro, seus casos podem ser enviados a juízos de primeira instância, entre as quais a 13ª Vara Criminal Federal de Curitiba, onde atua o juiz Sérgio Moro, responsável por grande parte das condenações na Lava Jato.

Nomes já velhos conhecidos

Os casos de personagens sem foro privilegiado estão indo a julgamento mais rápido – políticos como o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e o ex-deputado Eduardo Cunha (MDB-RJ) já tiveram, inclusive, suas condenações confirmadas em segunda instância.

Eles poderão recorrer ao Superior Tribunal de Justiça (STJ) e ao próprio STF, mas, de acordo com o atual entendimento dos ministros do Supremo, a confirmação da sentença na segunda instância já é suficiente para que o condenado seja preso. Foi por isso que Lula, por exemplo, acabou preso neste mês.

Por enquanto, nenhum caso da Lava Jato foi julgado pelo STF, que tem uma longa fila de processos para julgar. Defensores do foro afirmam, porém, que ser ter o caso analisado diretamente pela mais alta corte do país acaba não sendo necessariamente um privilégio, já que, uma vez condenado, o réu só pode recorrer dentro da própria corte.

ENTRE O STJ E O STF

O presidente da República, o vice-presidente, deputados federais, senadores e ministros só podem ser julgados pela última instância, o STF, e não por cortes inferiores enquanto estiverem nos cargos. Governadores respondem na segunda corte mais alta, o STJ.

A lista elaborada pela BBC Brasil não contempla quatro governadores envolvidos na operação que já perderam o foro ao renunciar para concorrer a outros cargos em outubro: Geraldo Alckmin (PSDB-SP), Beto Richa (PSDB-PR), Marconi Perillo (PSDB-GO) e Raimundo Colombo (PSD-SC). Todos negam ilegalidades.

No caso do ex-governador paulista, seu caso foi retirado do escopo da Lava Jato e enviado para o Tribunal Regional Eleitoral do Estado, enquanto os demais aguardam uma definição. Condenações por crimes eleitorais costumam gerar penas menores que as da Justiça convencional.

Pancada nos governadores

Prefeitos, governadores e presidente da República que queiram concorrer a cargos diferentes dos que ocupam devem renunciar até seis meses antes da eleição. É o caso de Alckmin, que pretende se candidatar à Presidência, e de Richa, Perillo e Colombo, que devem concorrer ao Senado.

A legislação também requer que renunciem até seis meses da eleição candidatos que sejam servidores ou tenham cargos de confiança em órgãos públicos, como ministros e secretários.

Quatro ministros do governo Michel Temer investigados na Lava Jato não renunciaram a tempo de se candidatar em outubro e só não perderão o foro privilegiado caso continuem em cargos de confiança no próximo governo: Eliseu Padilha (MDB-RS), da Casa Civil, Gilberto Kassab (PSD-SP), da Ciência e Comunicações, Helder Barbalho (MDB-PA), da Integração Nacional, e Moreira Franco (MDB -RJ), da Secretaria-Geral da Presidência.

Confira a lista dos políticos envolvidos na operação que podem perder o foro privilegiado se não se elegerem em outubro:

PRESIDENTE

Michel Temer (MDB-SP)

GOVERNADORES

Renan Filho (MDB-AL)

Robinson Faria (PSD-RN)

Fernando Pimentel (PT-MG)

SENADORES

Aécio Neves (PSDB-MG)
Ciro Nogueira (PP-PI)

Edison Lobão (MDB-MA)

Eunício Oliveira (MDB-CE)

Gleisi Hoffmann (PT-PR)

Humberto Costa (PT-PE)

Ivo Cassol (PP-RO)

Renan Calheiros (MDB-AL)

Romero Jucá (MDB-RR)

Valdir Raupp (MDB-RO)

DEPUTADOS FEDERAIS

Aguinaldo Ribeiro (PP-PB)*

Alfredo Nascimento (PR-AM)

Anibal Ferreira Gomes (MDB-CE)

Antônio Brito (PSD-BA)

Andres Sanchez (PT-SP)

Arlindo Chinaglia (PT-SP)

Arthur Maia (PPS-BA)

Beto Mansur (PRB-SP)

Cacá Leão (PP-BA)

Carlos Zarattini (PT-SP)

Celso Russomanno (PRB-SP)

Dimas Fabiano Toledo (PP-MG)

Fábio Faria (PSD-RN)

Heráclito Fortes (PSB-PI)

José Carlos Aleluia (DEM-BA)

José Mentor (PT-SP)

José Otávio Germano (PP-RS)

Lázaro Botelho Martins (PP-TO)

Lúcio Vieira Lima (MDB-BA)

Luiz Fernando Faria (PP-MG)

Marco Maia (PT-RS)

Maria do Rosário (PT-RS)

Mário Negromonte Jr. (PP-BA)*

Milton Monti (PR-SP)

Missionário José Olímpio (DEM-SP)

Ônyx Lorenzoni (DEM-RJ)

Roberto Balestra (PP-GO)*

Rodrigo Garcia (DEM-RJ)

Rodrigo Maia (DEM-RJ)

Sandes Júnior (PP-GO)

Vander Loubet (PT-SP)

Vicentinho (PT-SP)

Yeda Crusius (PSDB-RS)

Waldir Maranhão (PSDB-MA)*

*A Procuradoria Geral da República (PGR) pediu o arquivamento das investigações sobre os deputados, mas o pleito ainda não foi analisado pelo STF.

Diogo Moraes acompanha a perfuração de poços artesianos na cidade de Alagoinha

O deputado estadual e primeiro-secretário da Assembleia Legislativa de Pernambuco, Diogo Moraes, esteve na tarde do último sábado (21), na cidade de Alagoinha, no agr    este pernambucano, para acompanhar a perfuração de poços artesianos nas comunidades do município.

Ajuda

Na avaliação de Diogo Moraes, a perfuração dos novos poços vai proporcionar melhor qualidade de vida aos moradores da região. “A maioria dos poços perfurados hoje trouxeram água para a superfície. Isso é motivo de muita alegria, já que vai amenizar a seca e falta d’água que atinge há muitos anos essa região”, destacou o parlamentar.

Poços abertos

No total, foram perfurados 16 poços nas comunidades de Socorro, Laje do Carrapicho, Sítio Corredor, Canga, Sítio Pé de Serra, Carrapichinho, Sítio Salambaia, Boa Esperança, Alverni e Alagoinha. O vereador Flávio Inácio e o vice-prefeito da cidade, Ciba, acompanharam a iniciativa.


Mais uma dor de cabeça para o Michel Temer, REDE pede impeachment do presidente

Aldo Vilelaqui, 19/04/2018 - 08:03

O Presidente Temer acorda todo dia com uma nova dor de cabeça, e pelo visto vai continuar nesse perrengue até o último dia do seu mandato. Agora o senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP) protocolou um novo pedido de impeachment contra o presidente Michel Temer na tarde de hoje, na Câmara dos Deputados. A denúncia popular sugere "possível prática de crime de responsabilidade" por causa de obra na casa de uma das filhas do presidente, que teria sido paga em dinheiro vivo pela mulher do coronel João Baptista Lima Filho, amigo do emedebista. O senador garante que "Agora tem um fato novo... Para esse pedido de impeachment tem o depoimento do presidente da República, que tem o dever de falar a verdade." Randolfe avalia que a prisão preventiva de parte dos amigos de Temer, no final de março, demonstra que recursos de caixa 2 e de propina foram destinados para a construção de bens pessoais particulares da família do presidente, fatos negados anteriormente por ele. "Isso contradiz flagrantemente depoimento do presidente", considera o senador. "Caberá ao presidente Rodrigo Maia responder se uma mentira por parte de um mais alto mandatário, em depoimento judicial, em uma investigação policial, é ou não crime de responsabilidade. Para mim e para a Rede isso configura crime de responsabilidade explícito por parte do presidente e fere de morte os seus deveres". E agora, será mais uma denúncia que não vai pra frente? Esperemos pelas cenas dos próximos capítulos.

Daniel Coelho pede apoio para que Senado paute projeto contra maus tratos de animais

O deputado federal Daniel Coelho (PPS / Movimento 23) esteve nesta quarta-feira no Senado Federal, em Brasília, a fim de solicitar apoio de senadores para que pressionem a mesa diretora da Casa para colocar em pauta o PLC 39/2015, que torna mais rigorosa a pena para maus tratos de animais.

Pedido em parceria

Acompanhado do vereador do Recife Ricardo Cruz (PPS / Movimento 23), Daniel esteve com o relator do projeto, Álvaro Dias (Podemos-PR), além de Cristovam Buarque (PPS/Movimento 23-DF) e de Armando Monteiro Neto (PTB-PE). Os três se comprometeram a unir esforços para que o projeto, já aprovado na Câmara dos Deputados, seja rapidamente pautado na Câmara Alta.

Pelos animais

“Esse é um movimento não só da nossa parte, mas de vários militantes da causa animal, para que o Senado coloque em pauta o projeto, que já foi aprovado pela Câmara dos Deputados, e que trata das penas para aqueles que fazem tortura, maus tratos aos animais, que matam animais”, afirmou Daniel Coelho.

Ampliando o debate

“A gente precisa, sim, fazer esse debate, a Câmara dos Deputados já se mobilizou, já deliberou sobre o tema, o projeto aqui já foi aprovado e agora é necessário que o plenário do Senado paute. O senador Cristovam Buarque já oficialmente procurou a mesa diretora pedindo a pauta, o relator do projeto naquela Casa, o senador Álvaro Dias, também vai nos ajudar, bem como o senador Armando Monteiro”, destacou.

Domingo tem abertura do Campeonato Igarassuense de Futebol

A partir deste domingo (22), às 14h, a Prefeitura de Igarassu e a Liga Desportiva de Igarassu promovem a abertura do Campeonato Igarassuense de Futebol. Os jogos acontecem sempre aos domingos, a partir das 15h, no estádio Alfredo Bandeira de Melo, mais conhecido como Campo Murado,  serão mais de 30 times divididos nas sérias A e B disputando o primeiro lugar do torneio.

Pelos esportes

Para este ano, o campeonato terá como novidade a homenagem ao jogador Maciel Antônio da Silva, mais conhecido como “Fia”, que atuou no Barcelona, time bastante tradicional da cidade. A narração neste domingo ficará com a responsabilidade do jornalista e radialista Luciano Duarte. A programação segue até o dia 19 de agosto.

Jungmann chama policiais

O ministro da Segurança Pública, Raul Jungmann, disse, ontem, que os editais para a contratação de 500 policiais federais e de 500 policiais rodoviários federais, anunciados em fevereiro, estão em elaboração pelos órgãos de segurança e serão lançados ainda neste semestre. Ele foi questionado sobre se haveria tempo hábil para a contratação dos novos agentes ainda neste ano.

Em defesa de Temer

Romero Jucá (MDB-RR), afirmou que o novo pedido de impeachment contra o presidente Michel Temer é um "factoide". Ele disse que o autor da denúncia por crime de responsabilidade, senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP), "deveria ter mais o que fazer". "Ele fica entrando com factoides que não levam a nada e só perturbam o ambiente político do País", criticou Jucá. 

O destino de Maluf

A presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministra Cármen Lúcia, suspendeu, na noite de ontem, a sessão de julgamento do recurso do deputado Paulo Maluf (PP-SP), que será retomado hoje. Até o fim da sessão, quatro ministros votaram contra o cabimento de embargos infringentes (um tipo de recurso) da defesa de Maluf para contestar decisão da Primeira Turma do STF que o condenou a 7 anos, 9 meses e 10 dias de prisão em regime fechado

Família no crime

Frederico Pacheco, primo do senador Aécio Neves (PSDB), vai responder a processo por posse ilegal de arma de fogo na 12ª Vara Criminal de Belo Horizonte (MG). Nas buscas realizadas em maio de 2017 na sua fazenda, em Cláudio, cidade do interior de Minas Gerais, a Polícia Federal encontrou uma carabina e munições. Pacheco não apresentou documento para comprovar a posse regular da arma.


Lula continua forte, quem aponta agora é o Vox Populi

Aldo Vilelaqua, 18/04/2018 - 08:35

Causa impressão a força do ex-presidente Lula e parece que a prisão do mesmo o tornou ainda mais forte diante de todo o processo eleitoral. Tem mais pesquisa na praça e a os números mostram um Lula mais forte do que nunca. Vejam só mesmo após ser preso pelo caso do triplex do Guarujá (SP), o ex-presidente Lula Inácio Lula da Silva mantém a liderança em todos os cenários de intenção de votos para a Presidência, conforme apontou a pesquisa Vox Populi publicada na tarde de ontem terça feira. Em uma das perguntas espontâneas sobre intenção de votos, Lula possui 39% do eleitorado, seguido pelo deputado carioca Jair Bolsonaro (PSL/RJ) com 9%, Joaquim Barbosa (PSB) e Marina Silva (Rede), ambos com 2%, enquanto Geraldo Alckmin aparece com 1%. Levando em conta o segundo turno, o petista registra 56% contra 12% do tucano, 54% vs 16% dos votos de Marina Silva, ao passo que contra o ex-ministro do STF o ex-presidente ganharia com 54% contra 20%. A pesquisa continua dando mais detalhes sobre o que pensam os eleitores brasileiros ainda segundo a pesquisa, 41% dos entrevistados consideram que Lula foi condenado sem provas, de modo que 44% consideram que a prisão foi injusta. Por fim, 58% acreditam que o petista tem o direito de ser candidato novamente à presidência da República mesmo depois da prisão. Este O levantamento do Vox Populi, que foi encomendado pelo próprio PT, ouviu 2 mil pessoas em 118 municípios e foi feito entre os dias 11 e 15 de abril. A margem de erro considerada foi de 2,2%, estimada em um intervalo de confiança de 95%.

Começa a queda de Aécio

A Primeira Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) tornou, hoje, réu o senador Aécio Neves (PSDB-SP) pelos crimes de corrupção passiva e obstrução à justiça. Com a decisão, os ministros confirmam que os indícios apontados pela Procuradoria-Geral da União (PGR) são suficientes, neste momento, para que o senador responda aos crimes por meio de ação penal.

Acusações

A PGR acusa o tucano de receber ilicitamente R$ 2 milhões de Joesley Batista, oriundos do grupo J&F, e de atrapalhar as investigações em torno da Operação Lava Jato. Os demais acusados, Andrea Neves, Frederico Pacheco de Medeiros e Mendherson Souza Lima se tornaram réus pelo crime de corrupção passiva. As informações são do Blog do Fausto Macêdo.

Álvaro Porto cobra posição do governo sobre delações que apontam esquema de corrupção  

O silêncio do Governo do Estado diante das delações em que o empresário João Carlos Lyra Pessoa de Mello Filho revelou ao Ministério Público Federal a existência de um esquema de corrupção que beneficiou o PSB, levou o deputado Álvaro Porto (PTB) a cobrar, nesta terça-feira (17.04), posicionamento do Palácio do Campo das Princesas.

Cobrando

Em discurso, o petebista disse que a seis meses das eleições “os pernambucanos esperam um posicionamento do Governo e não o silêncio” sobre o trabalho que a Polícia Federal tem feito no estado. “Não dá para fazer de conta que nada está acontecendo”, destacou.

Denúncias

Na semana passada foi noticiado que, ao falar ao MPF, Lyra, dono do avião usado pelo PSB na campanha presidencial do ex-governador Eduardo Campos em 2014, declarou ter feito repasses de propinas de empreiteiras a dirigentes socialistas. Foi veiculado também que os nomes do governador Paulo Câmara e do prefeito do Recife, Geraldo Júlio, constariam dos anexos da delação de Lyra como beneficiários do esquema. Os mesmos anexos incluiriam ainda informações sigilosas sobre os três inquéritos da Operação Lava Jato que investigam Paulo e Geraldo.

Perguntas sem respostas

“Há indícios de desvios de recursos públicos por meio de supostos esquemas que envolveriam propinas, superfaturamentos, lavagem de dinheiro, empresas fantasmas e contas no exterior geram não só questionamentos na população”, disse. “Este quadro exige de nós, deputados, uma atitude de cobrança de esclarecimentos e de posicionamento do governo”, disse, endossando a nota que a oposição emitiu no fim de semana cobrando posicionamento do governo.

FBC vai aparecer

O senador Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE) foi eleito para ser o relator da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) dos Cartões de Crédito. Durante a instalação da CPI, Fernando Bezerra adiantou que o relatório contendo o resultado das investigações do colegiado sobre os juros cobrados pelas operadoras de cartão – classificados pelo senador como “abusivos e até extorsivos” – será apresentado até o próximo mês de julho.

Movimento 23 confirma pré-candidatura de André Carvalho à Câmara dos Deputados

O Movimento 23 confirmou nesta terça-feira, após reunião da Executiva Nacional em Brasília, a pré-candidatura a deputado federal de André Carvalho, diretor da Rádio Maranata FM em Pernambuco e filho do ex-deputado federal Salatiel Carvalho.

Lula

A Procuradoria Regional da República da 4ª Região, órgão que atua junto ao Tribunal Regional Federal da mesma jurisdição, enviou à corte documento pedindo a rejeição dos embargos dos embargos apresentados pela defesa do ex-presidente Lula, cujo julgamento está previsto para hoje quarta-feira (18).

Documentos

Segundo o documento do MPF, assinado pelo procurador Adriano Augusto Guedes, os embargos não devem ser considerados pois a pretensão da defesa seria “rediscutir o mérito da decisão, com a modificação do julgado proferido”. Tal intenção, de acordo com ele, não seria compatível com o julgamento, que deveria se dedicar a analisar omissões no julgamento anterior, dos embargos de declaração, e não no julgamento de origem.

Mais senadores na fila pra fazer coro com Aécio

Com a decisão da Primeira Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) de tornar réu o senador Aécio Neves (PSDB-MG) por corrupção passiva e obstrução de Justiça, chegou a seis o número de senadores alvos de ações penais na Corte em decorrência da Operação Lava Jato e de seus desdobramentos.

Os outros

Além de Aécio, são réus no STF os senadores Agripino Maia (DEM-RN), Fernando Collor (PTC-AL), Gleisi Hoffmann (PT-PR), Romero Jucá (MDB-RR) e Valdir Raupp (MDB-RO).


Hoje é o dia de Aécio Neves, pau que dá em Chico dá em Francisco?

Aldo Vilelater, 17/04/2018 - 09:14

A primeira Turma do Supremo Tribunal Federal (STF), composta pelos ministros Alexandre de Moraes, Marco Aurélio Mello, Luiz Fux, Rosa Weber e Luís Roberto Barroso, julga, hoje, se recebe a denúncia oferecida pela Procuradoria-geral da República (PGR) contra o senador Aécio Neves (PSDB-MG) pelos supostos crimes de corrupção passiva e obstrução de Justiça, instaurado em maio de 2017, com base na delação da JBS. Todos ficam na grande expectativa de como isso vai acontecer logo mais e como será a ação dos ministros frente ao Senador que agora paga de bom moço e se diz um ingênuo na política. O relator do inquérito é Marco Aurélio e a defesa do senador tem a expectativa de que a denúncia seja rejeitada pela Corte. Vamos lembrar e refrescar a memória, já que esquecemos muito fácil as coisas no Brasil, que o ilustre senador Aécio aparece em uma gravação em que pede R$ 2 milhões ao empresário Joesley Batista, um dos donos da J&F, que administra a JBS, sob a justificativa de que precisava pagar despesas com sua defesa na Lava Jato.

Mais investigados

Nesse mesmo inquérito, também são investigados a irmã do senador, Andréa Neves, seu primo Frederico Pacheco de Medeiros e Mendherson Souza Lima, ex-assessor parlamentar do senador Zezé Perrella (MDB-MG). Na conversa gravada entre Joesley e Aécio, base para a denúncia, eles acertam o pagamento dos R$ 2 milhões em quatro parcelas de R$ 500 mil.

Lembremos e não esqueçamos

 Aécio enviou o primo, Fred, e disse: “Tem que ser um que a gente mata ele antes de fazer delação. Vai ser o Fred com um cara seu. Vamos combinar o Fred com um cara seu porque ele sai de lá e vai no cara”.

Acusação

A procuradora-geral da República, Raquel Dodge, acusou o senador Aécio Neves (PSDB-MG) de usar o cargo para atingir ‘objetivos espúrios’ ao pedir o recebimento da denúncia, que havia sido feita pelo seu antecessor, Rodrigo Janot.

A fala da procuradoria geral

“O teor das articulações de Aécio Neves, obtidas por meio das interceptações telefônicas, ilustra de forma indubitável que a conduta do acusado, que procurou de todas as formas que estavam ao seu alcance livrar a si mesmo e a seus colegas das investigações, não se cuidou de legítimo exercício da atividade parlamentar. Ao contrário, o senador vilipendiou de forma decisiva o escopo de um mandato eletivo e não poupou esforços para, valendo-se do cargo público, atingir seus objetivos espúrios”, afirmou Raquel.

Temer e a quadrilha

O Juiz da 12ª Vara da Justiça Federal em Brasília, Marcus Vinicius Reis, autorizou os depoimentos de 42 pessoas no processo em que amigos do presidente Michel Temer se tornaram réus acusados de integrar uma  verdadeira organização criminosa.

Pedido atendido

O juiz atendeu a pedido do Ministério Público Federal no Distrito Federal. Do total de 42 testemunhas, a maioria é de delatores – 36 são colaboradores da Lava Jato – que serão ouvidos no processo do chamado "quadrilhão do MDB".

Culpados?

Entre os réus dessa ação penal, estão os ex-deputados Eduardo Cunha e Henrique Alves e os amigos de Temer João Batista Lima Filho, ex-coronel da Polícia Militar de São Paulo; o advogado José Yunes, ex-assessor de Temer; e o ex-deputado e ex-assessor da Presidência Rodrigo Rocha Loures.

Mais um na jogada

Ex-ministro dos governos Lula e Dilma Rousseff, o ex-deputado Aldo Rebelo, de  62 anos, se lançou candidato à Presidência da República nesta segunda-feira (16) com críticas à prisão dele e ao impeachment dela.  Ele considerou a potencial candidatura de Joaquim Barbosa (PSB) "meio nebulosa".

Sob comando de Paulinho da Força

O novo partido de Rebelo, o Solidariedade, o terceiro no intervalo de cerca de seis meses, apoiou a queda de Dilma Rousseff e se aliou a legendas críticas ao PT. Ele relativizou a mudança.

O vício de todos

A Procuradoria-Geral da República (PGR) denunciou ao Supremo Tribunal Federal (STF) o deputado Adalberto Cavalcanti (Avante-PE), acusado de empregar no gabinete uma servidora "fantasma" e desviar R$ 93 mil em salários da funcionária.

Lóssio começa a se movimentar mais forte e bate forte no PSB

“A vida toda eu fiz oposição ao PSB. Talvez eu seja o único representante da oposição que está aí, positivamente falando. Eles (a oposição) pensam muito parecido porque passaram muito tempo juntos. Houve uma conveniência agora, surgiu essa oposição”.

Se apresentando ao jogo político

Médico por formação, Lóssio fez diferença na área da Saúde em seu município. Ele criou as AME (Atendimento Multiprofissional Especializado). “Eu identifiquei que tínhamos muitos Postos de Saúde com pouca qualidade. Petrolina, com 300 mil habitantes, poderia ter uma unidade para cada 15 mil habitantes. Fizemos um Projeto onde pudéssemos concentrar quatro PSF (Posto de Saúde da Família), com ambiente climatizado e consultórios bem equipados.  Fizemos vinte unidades dessas, uma para cada 15 mil habitantes”, declarou Júlio Lóssio.

Bom prefeito

Como gestor municipal, Lóssio ganhou um prêmio importante na área da Educação por causa do Programa Nova Semente. “Nós fizemos o maior programa de creches do Brasil: dez mil crianças incluídas, 190 creches. Chegamos a ter um orçamento anual de 50 milhões só para a Educação Infantil, só para o Programa Nova Semente. Isso deu frutos extraordinários para as crianças e para as famílias”.

O que pensa Lóssio?

Pré-candidato ao Governo do Estado de Pernambuco, Lóssio afirma que deseja um Estado menor para dentro, mas, maior para fora. Ele acredita que a diminuição de secretarias e assessores são alguns exemplos de enxugamento que podem auxiliar a gestão estadual.

Rede como base

Sobre sua filiação à Rede, Júlio Lóssio se sente honrado em estar num partido em que luta e paz são filosofias norteadoras. “Muitos pensam que luta e paz são contraditórios, mas não são. Queremos fazer uma grande luta no Estado de Pernambuco, mas temos a paz como meta. A paz não vem do conformismo, e sim, da luta por aquilo que se acredita”, asseverou o pré-candidato.

Câmara de Olinda aprova voto de pesar pelo Mestre Afonso do Maracatu Leão Coroado

A Câmara Municipal de Olinda registrou voto de pesar pelo falecimento do Babalorixá Afonso Gomes de Aguiar Filho, o Mestre Afonso, ocorrido no último domingo durante um toque para Oxum em um terreiro no bairro de Águas Compridas.

TRE-PE reprova contas do PCB

O pleno do Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco (TRE-PE) reprovou, por unanimidade, as contas do Partido Comunista Brasileiro (PCB) referentes ao exercício de 2014. A decisão foi tomada na tarde desta segunda-feira (16/04).

Dinheiro

Sobre seu exercício financeiro de 2014, o partido informou unicamente ter recebido uma receita estimada de R$ 4.800. A receita foi gerada porque o partido recebeu, de seu presidente, a doação de uma sala comercial.

Balanço

O relatório do desembargador Alexandre Pimentel apontou várias irregularidades cometidas pelo partido. Alguns exemplos: a legenda não apresentou balanço patrimonial, não remeteu demonstrativo de fluxo de caixa, não apresentou demonstrativo de sobras de campanha nem enviou documentos referentes a transações bancárias.

Desaprovação

Tanto a unidade técnica do TRE-PE quanto o Ministério Público Eleitoral de Pernambuco defenderam a desaprovação das contas. Como o PCB não recebe repasses do Fundo Partidário, não há como haver uma penalidade financeira (suspensão dos recursos) por causa da reprovação das contas.


Mesmo preso Lula é mais forte do que todos os demais juntos, quem diz é o Datafolha

Aldo Vilelaseg, 16/04/2018 - 10:12

A pesquisa do Instituto Datafolha foi divulgada neste domingo (15) pelo jornal "Folha de S.Paulo" com índices de intenção de voto para a eleição presidencial de 2018. Foram feitas 4.194 entrevistas entre 11 e 13 de abril, em 227 municípios. A margem de erro é de 2 pontos percentuais para mais ou para menos. Os números mostram um Lula forte mesmo depois do ocorrido, para o desespero de muita gente em vários cenários o ex-presidente Lula aparece com números animadores para o PT. Vamos os resultados dos 9 cenários pesquisados no 1º turno: Lula (PT): 31%·, Jair Bolsonaro (PSL): 15%,Marina Silva (Rede): 10%,Joaquim Barbosa (PSB): 8%, Geraldo Alckmin (PSDB): 6%, Ciro Gomes (PDT): 5%, Alvaro Dias (Podemos): 3%, Manuela D'Ávila (PC do B): 2%, Fernando Collor de Mello (PTC): 1%, Rodrigo Maia (DEM): 1%, Henrique Meirelles (MDB): 1%, Flávio Rocha (PRB): 1%, João Amoêdo (Novo): 0,Paulo Rabello de Castro (PSC): 0,Guilherme Boulos (PSOL): 0,Guilherme Afif Domingos (PSD): 0, em branco / nulo / nenhum: 13%, não sabe: 3%. Claro que a pesquisa representa um recorte do momento que estamos vivendo mas começa a dar um sinal e um norte do que será a eleição presidencial.

Oposição mesmo lenta emite nota criticando PSB

Mesmo com atraso a oposição resolveu bater forte no PSB por conta das operações da Polícia Federal, abaixo na íntegra a nota enviada pelo bloco de oposição ao PSB na Assembleia legislativa.

A nota

O povo de Pernambuco, mais uma vez, foi surpreendido pela veiculação na imprensa de novas denúncias de corrupção e desvio de recursos públicos envolvendo os governos do PSB.

Desta vez, o depoimento do empresário João Carlos Lyra, apontando como operador de esquema de corrupção que beneficiava o PSB, faz referência ao superfaturamento de 20% nas obras em que sua empresa atuou, entre elas a construção Arena Pernambuco, PE- 060, o Pier Petroleiro, a Orla de Jaboatão dos Guararapes, o Canal do Sertão, na BR-101 e a Transposição do São Francisco. Fala ainda que esses recursos seriam repassados ao partido do governador para o financiamento de campanhas eleitorais, incluindo a compra do avião que caiu, vitimando o ex-governador Eduardo Campos e integrantes de seu staff.

Mais uma vez, o Governo de Pernambuco e a direção estadual do PSB se calam diante das denúncias, como já o fizeram em relação às delações anteriores de executivos da Camargo Corrêa, Odebrecht e JBS, assim como em relação a operações da Polícia Federal como Lava-Jato, Turbulência, Vórtex, Torrentes, Fair Play, entre outras

A sociedade pernambucana não merece receber, mais uma vez, o silêncio como resposta. O povo de Pernambuco exige que o governador do Estado e o PSB, seu partido, que está há 11 anos no comando do Executivo, apresentem à população explicações sobre estas graves denúncias envolvendo figuras importantes do PSB. Os pernambucanos aguardam respostas.

E o PSB?

Nada fala, nada diz e não respondeu a nota acima que foi enviada pela oposição.

Paudalho promove campanha de vacinação contra o Influenza

Prefeitura de Paudalho por meio da Secretaria de Saúde promoverá a Campanha Nacional de Vacinação contra o Influenza a partir do dia 23 deste mês. A programação seguirá até o dia um de junho de 2018. Aproveitando a oportunidade, a pasta ainda vai disponibilizar a vacina Tríplice Viral (contra sarampo, caxumba e rubéola) para o público de 1 a 49 anos.

O absurdo dos absurdos

Magistrados do Rio Grande do Norte se concederam o direito de receber licença-prêmio de forma retroativa aos últimos 22 anos. A resolução, assinada pelos 13 desembargadores e publicada quinta-feira, permite que embolsem os atrasados de uma só vez.

Detalhes

Um juiz que exerce a atividade desde 1996, por exemplo, pode ganhar cerca de R$ 300 mil, segundo cálculos iniciais. A licença-prêmio garante a eles o descanso remunerado de três meses a cada cinco anos de trabalho. A medida ocorre no momento em que o Estado enfrenta crise financeira.

Mais absurdo

É pra todos. Familiares de juízes que faleceram também poderão requerer o pagamento da licença-prêmio retroativa, assim como os aposentados.

Presidente fraco

Segundo o Datafolha, 86% dos eleitores jamais votariam num candidato apoiado por ele. Mas o brasileiro pode estar sendo injusto com Temer. O barulho das bombas que Estados Unidos e aliados despejaram sobre a Síria abafou a repercussão de uma estrepitosa novidade. Ao participar da Cúpula das Américas, no Peru, Temer revelou ao mundo algo que constava da agenda secreta do seu governo.


E Gilmar Mendes continua a falar de tudo, todos e demais

Aldo Vilelasex, 13/04/2018 - 09:39

Sempre ele, e cada vez mais sem nenhum filtro na fala e durante a sessão desta quarta-feira (11), o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Gilmar Mendes, que tem criticado a imprensa, colegas da Suprema Corte e juízes brasileiros, separou a metralhadora que sempre leva na boca e mirou no Ministério Público Federal (MPF) ao dizer que "a corrupção chegou à Operação Lava-Jato" e à Procuradoria-Geral da República (PGR). O nobre ministro citou a atuação da ex-advogada da JBS Fernanda Tórtima e do ex-procurador da República Marcelo Miller. Vale registrar que em setembro, o procurador Sidney Madruga foi flagrado em conversa com a advogada Fernanda Tórtima dizendo que a "tendência" era investigar o ex-chefe de gabinete do ex-procurador-geral Rodrigo Janot, o procurador regional Eduardo Pelella. Clássico de corrupção, isso tem de ser investigado e tem de ser dito, é óbvio que um abuso está ocorrendo — afirmou Gilmar. Em sua fala, Gilmar Mendes também disse que o procurador da República Diogo Castor de Mattos, que integra a força-tarefa da Lava-Jato, tem um irmão que advoga para investigados da operação e comete ilegalidades. Tem sido sempre assim, os brasileiros ficam cada vez mais perplexos com as falas do ministro e tem de aguentar por muitos anos pois dali ele só vai sair quando tiver 75 anos e isso ainda vai levar mais alguns anos.

Nada pra Alkmin?

A pré-candidata da Rede Sustentabilidade, Marina Silva, diz que discorda da decisão do STJ (Superior Tribunal de Justiça) que encaminhou para a Justiça Eleitoral a investigação sobre a acusação de caixa dois em campanhas eleitorais do ex-governador Geraldo Alckmin, postulante do PSDB ao Palácio do Planalto.

Marina bate forte

“Deveria ter sido encaminhado [o caso] para a força tarefa da Lava Jato”, afirma. Segundo Marina, na Justiça Eleitoral, a tendência é que a investigação venha a ser protelada.

Vereadores de Olinda solicitam ao governador recursos para combater enchentes com urgência

Diante da emergência de um inverno com fortes chuvas, a Câmara Municipal de Olinda encaminhou um requerimento em forma de apelo ao governador Paulo Câmara para que sejam disponibilizados R$ 3 milhões para custear a “desobstrução dos 27 canais existentes no município”.

Apelo

O documento, subscrito por unanimidade, foi entregue no Palácio do Campo das Princesas, ao secretário executivo da Casa Civil, Marcelo Canuto, pelos vereadores Jorge Federal, Algério A Nossa Voz, Jesuíno Araújo, Ricardo Souza, Vlademir Labanca e Saulo Holanda.

Pedido

A Câmara de Vereadores de Olinda também enviou, hoje, requerimento ao ministro das Cidades, Alexandre Baldy, para que seja verificada a possibilidade do remanejamento da verba orçamentária destinada ao Projeto Fragoso I, para que esta seja disponibilizada para a execução dos serviços de desobstrução de toda a calha do Canal Fragoso, em toda a sua extensão, até a Foz com o mar no Bairro de Rio Doce no Município de Olinda-PE, em forma de força tarefa executada pelo Exército Brasileiro.

Todos querem o Brasil

Presidente do Solidariedade, o deputado Paulinho da Força (SP) afirmou nesta quinta-feira, 12, que o partido deve lançar o nome do ex-ministro Aldo Rebelo, recém-filiado à legenda, como candidato à Presidência.

Aécio doente?

O senador Aécio Neves (PSDB-MG) passou uma manhã na UTI do Hospital Santa Lúcia, em Brasília. Ele chegou ao hospital às 8h da manhã com muita dor de cabeça e náuseas. Depois de passar por uma série de exames, foi para o quarto. Às 14h30, recebeu alta. São os primeiros sinais do medo dele por conta do STF na semana que vem.

Vai pra justiça

O ministro Marco Aurélio Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), manteve a análise da denúncia contra o senador Aécio Neves (PSDB-MG) para a próxima terça-feira, 17.

Vai se complicar

A Primeira Turma da Corte decide nesse julgamento se torna réus o senador, sua irmã Andrea Neves, seu primo Frederico Pacheco de Medeiros, e Mendherson Souza Lima, ex-assessor parlamentar do senador Zezé Perrella (MDB-MG) pelo crime de corrupção passiva.


Presidente Temer segue cada vez mais enrolado com a justiça

Aldo Vilelaqui, 12/04/2018 - 09:10

A esposa do coronel João Batista que é um grande amigo de Michel Temer, pagou em dinheiro vivo despesas de reforma na casa de uma das filhas do presidente. Esse relato foi feito por um dos fornecedores da obra ao jornal Folha de São Paulo. De acordo com as informações da Polícia Federal que investiga a obra no imóvel da psicóloga Maristela Temer sob a suspeita de que tenha sido bancada com propinas da JBS. Na verdade, isso já não é mais novidade e o que todos esperam que o presidente investigado seja de fato punido. Por conta do foro privilegiado Temer escapa todo tempo de tudo, mas um dia o foro acaba e no caso de Temer no final deste ano. Lembremos aqui que o coronel foi preso por três dias no fim de março e a esposa, intimada a depor. Os dois ficaram em silêncio diante dos investigadores, lógico seguindo orientações dos advogados. Como diz o ditado popular, de grão e grão a galinha enche o papo, a polícia vai colhendo a cada dia peças e mais dia menos dia Temer vai cair em desgraça se é que já não está nela.

Sancionada lei que cria a Universidade Federal do Agreste

A Universidade Federal do Agreste de Pernambuco (UFAPE), uma reivindicação de pelo menos 16 anos da população da região, tornou-se realidade: o presidente Michel Temer sancionou, nesta quarta-feira (11), em solenidade no Palácio do Planalto, emenda do senador Armando Monteiro (PTB-PE) a projeto de lei criando a UFAPE, com sede em Garanhuns. “É um velho sonho que se concretiza”, assinalou Armando em rápido pronunciamento na cerimônia de sanção.

Mais educação e de graça

"Com a UFAPE, não só democratizamos o maior acesso à educação universitária, como estaremos formando quadros voltados para as demandas específicas da região”, comemorou. Lembrou que em Pernambuco há universidades que atendem a Região Metropolitana do Recife, a Zona da Mata e o sertão, mas faltava uma instituição para o agreste.

Estrutura

A nova universidade, cuja implantação está orçada em R$ 121 milhões, resultará do desmembramento do campus da Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE) em Garanhuns.

Votos de aplauso de Armando

Para o senador petebista, a UFAPE será “um ativo estratégico no desenvolvimento de Pernambuco”. O prefeito de Garanhuns, Izaías Regis (PTB), viu na iniciativa de Armando a realização de uma antiga aspiração do município, levada por ele em 2002 como deputado estadual ao então presidente eleito Luís Inácio Lula da Silva, quando visitou a terra natal pela primeira vez após sua eleição. 

Mendonça Filho em sintonia com Armando

A criação da UFAPE resultou de parecer de Armando Monteiro a projeto de lei originário da Câmara dos Deputados implantando a Universidade Federal do Delta do Parnaíba, no Piauí, cuja instalação também foi sancionada por Temer nesta quarta-feira. Ele destacou a contribuição ao projeto da UFAPE do então ministro da Educação, Mendonça Filho. “O ministro sempre foi sensível à iniciativa”, completou.

Geração de empregos

A emenda de Armando Monteiro determina que os alunos do campus da Universidade Federal Rural de Pernambuco passam a integrar automaticamente a UFAPE.  A lei cria os cargos de reitor e vice-reitor e até 600 cargos de professor na nova universidade federal, além de cargos administrativos.

Grande notícia

O campus da Universidade Federal Rural em Garanhuns, que será transformado na Universidade Federal do Agreste, oferece atualmente os cursos de veterinária, agronomia, ciência da computação, zootecnia, engenharia de alimentos e licenciatura em letras e em pedagogia.

Deputado Álvaro Porto denuncia desvalorização do corpo técnico e desmonte do IPA

A situação de desmonte do Instituto Agronômico de Pernambuco (IPA), evidenciada com a negativa do governo estadual em conceder aos servidores do órgão reajuste salarial após quatro anos de congelamento, foi denunciada pelo deputado estadual Álvaro Porto (PTB) na tarde desta quarta-feira (11.04) na Assembleia Legislativa. Em discurso, Porto destacou que a defasagem salarial é gritante diante de uma inflação acumulada de 25% no período.

Críticas duras

O deputado disse que, enquanto os salários estão congelados, planos de saúde, por exemplo, tiveram aumentos sucessivos, chegando, em um ano, a mais de 100% do valor inicial. “Muitos funcionários foram obrigados a desligar seus filhos, parentes e eles próprios desses planos, por falta de condições de pagar”, afirmou. “Na mesma tônica das perdas, o vale-alimentação, o auxílio de interiorização e auxílio-creche e educação estão também defasados”, completou.

Dinheiro jogado fora

Segundo Porto, eles denunciaram ainda que, depois de investir R$ 1 milhão na estação de Arcoverde, equipando o laboratório para pesquisa com embriões e sêmen, o governo simplesmente deixou a unidade sem funcionar. No discurso, Porto lembrou que ele próprio já denunciara, há um ano, a situação de abandono do IPA de Garanhuns, após visita da bancada de oposição àquele município. “Escritórios estavam sem funcionar por falta de pagamento de aluguel ou por causa de cortes de energia em decorrência de débitos do Estado com a Celpe. Encontramos parados mais de dez carros que deveriam ser usados para o deslocamento de técnicos para propriedades rurais. Estavam lá virando sucata”.

Sucateamento e dinheiro perdido

O deputado disse que o mesmo foi constatado com inúmeras máquinas agrícolas que tinham sido repassadas ao estado pelo governo federal para municípios do Agreste.  "Estavam servindo de depósito de pó. Tudo isso foi registrado em fotos e filmes veiculados nas redes sociais, com apelo para que o governo do estado cumprisse o seu papel. Um ano depois, vimos que a situação de descaso só cresceu”.

Oposição não alivia contra Paulo Câmara

Um dos principais suportes do Sistema Único de Saúde em Pernambuco, o Hospital Agamenon Magalhães (HAM) tem sofrido com o abandono da gestão Paulo Câmara.  A falta de enfermeiros, superlotação na maternidade e insuficiência de leitos para alocar pacientes da emergência são alguns dos problemas enfrentados pela unidade de saúde. 

Deputado Silvio Costa Filho eleva tom

Para o líder da Oposição na Assembleia Legislativa de Pernambuco, Silvio Costa Filho (PRB), o problema na unidade de saúde mostra a falta de compromisso do governador Paulo Câmara com a saúde do Estado. “O governo Paulo Câmara tem prometido obras, mas tem esquecido de manter o que já tem. Essa situação do Agamenon Magalhães é um retrato do que acontece em todo o Estado, do Litoral ao Sertão, em unidades como o Belarmino Correia, em Goiana, o Hospital Regional do Agreste, em Caruaru, o Dom Moura, em Garanhuns, ou o Dom Malan, em Petrolina”, comparou.

A fala de Silvio

 “É importante que o Estado dê mais atenção aos serviços prestados à população. É preciso gastar menos com a manutenção da máquina, publicidade e consultoria e mais com saúde, educação e segurança, que são as áreas onde o povo pernambucano vem se sentindo abandonado”, reforçou. O parlamentar irá solicitar ao governo do Estado, por meio da Secretaria de Saúde, informações sobre a situação da unidade, bem como os investimentos que deveriam ser feitos nos últimos anos.

Vereador Rinaldo Junior cobra da prefeitura do Recife ações de saúde

O vereador Rinaldo Junior subiu a tribuna da Câmara Municipal do Recife, nesta terça-feira (10/04), para informar que o Ministério Público de Pernambuco (MPPE), órgão ao qual fez uma denúncia em outubro do ano passado, vai investigar o atraso na entrega da UPA-E do Ibura. A obra deveria ter sido iniciada no segundo semestre de 2013 conforme anúncio da Prefeitura do Recife (PCR), mas até o momento o terreno de 4.462 m² localizado na Avenida Dois Rios, está apenas com as fundações. E mais, segundo o contrato 65/2014, a UPA-E deveria ter sido concluída em abril de 2015.

Detalhamento do problema

O serviço da fundação, inclusive, já foi pago a empresa Jacil Empreendimentos LTDA, que recebeu o montante de R$ 3,6 milhões conforme constado pelo parlamentar no Portal da Transparência. Em virtude da demora e respostas vagas por parte da PCR, o vereador Rinaldo Junior acionou a Promotoria do Patrimônio Público do MPPE, que recebeu como resposta da PCR que foram gastos R$ 3,6 milhões na fundação. “A obra está paralisada há anos e o dinheiro empregado foi jogado fora. Fomos informados pela promotora que MPPE oficiou o Tribunal de Contas a fim de apurar a execução dessa obra, ” informou o vereador Rinaldo Junior.

Em busca de respostas

Sem resposta ao pedido de informação feito há sete meses sobre os recursos investidos e pagos na obra, o vereador ressaltou que a resposta enviada pela PCR é vaga e não responde aos seus questionamentos. “Na resposta enviada ao nosso gabinete a prefeitura afirmava que não foram R$ 3,6 milhões colocados na fundação da UPA-E e sim R$ 1 milhão, mas pude verificar que a obra em questão teve aditivos”, disse ao informar que a obra teve três aditivos.

Gilmar Mendes o falastrão

O ministro Gilmar Mendes do Supremo Tribunal Federal voltou a fazer críticas ao Ministério Público Federal e aos juízes federais Sérgio Moro e Bretas responsáveis, respectivamente, pelos processos da lava jato em Curitiba e Rio de Janeiro.

Fala muito

Na sessão do STF que analisa um habeas corpus do ex-ministro Palocci preso desde setembro de 2016 na Lava Jato, o ministro citou o que classifica como “arbítrio” de Moro e Bretas e atacou as prisões preventivas determinadas pelo magistrado paranaense.

O que disse o Doutor Gilmar?

“Na verdade, nós transformamos as prisões provisórias do doutor Moro em prisões definitivas. Esse é o resultado nesses casos. Então é melhor suprimir a Constituição. Já que tem o código penal de Curitiba, que se crie a Constituição de Curitiba. É isso que nós estamos fazendo. As prisões provisórias, as prisões cautelares, elas ganham caráter de definitividade. Por que se trata de decisões bem elaboradas? Esse sujeito fala com Deus? Do que nós estamos falando? Ou nós estamos fazendo populismo judicial?”.


Governadores do Nordeste queriam se aproveitar da prisão de Lula para angariar votos, foram barrados

Aldo Vilelaqua, 11/04/2018 - 11:00

A verdade é essa, os governadores do Nordeste queriam ganhar pontos junto ao eleitor indo visitar o ex-presidente Lula em Curitiba. Claro que eles ficaram frustrados por terem sido barrados em visita a Lula, governadores afirmam ter registrado “indignação” na Polícia Federal. O governador do Maranhão Flávio Dino (PCdoB) afirmou, ontem, que os dez chefes de Executivos estaduais também deixaram carta em apoio ao ex-presidente. A juíza da Vara de Execuções Penais de Curitiba negou pedido para a realização do encontro na Sala Especial em que o petista cumpre pena. Todos inclusive o governador de Pernambuco Paulo Câmara gravaram vídeos em apoio e justificando a ida a Brasília. O ministério Público Federal deveria cobrar destes governadores explicações pois eles deixaram o dia de trabalho em seus estados, gastaram dinheiro público em uma ação meramente política e de interesse deles. Em ano de eleição querem tirar proveito de tudo e garantirvotos em seus respectivos estados.

STF na pauta de novo

O STF deve debater nesta quarta (11) tema que pode alterar a correlação de forças na corte. A discussão está embutida no caso do preso Paulo Maluf e versa sobre a possibilidade de decisões monocráticas de ministros serem alvo de habeas corpus.

Ação

A medida pode ser expressamente autorizada. O tema divide o tribunal. Uma ala acha que o recurso levará à autofagia. Outra, o vê como uma via rápida para levar decisões polêmicas ao plenário, reparando eventuais excessos.

STF

O ministro Dias Toffoli abriu a discussão que  impetrado pela defesa de Paulo Maluf contrariando decisão transitada em julgado de Edson Fachin. Este, aliás, relator da Lava Jato no Supremo, poderia se tornar o principal alvo de uma mudança no entendimento padrão da corte.

Entendimento

Se a corte entender que cabe pedido de habeas corpus contra decisão de ministro, abrirá uma avenida para questionamentos de demais ministros. A possibilidade de um ministro poder, na prática, cassar a decisão de outro pode ampliar o embate entre os integrantes da corte, mas também antecipar a chegada de casos controversos ao plenário.  

Agora vez de Alkmin

A nova força-tarefa da operação lava jato  em São Paulo começou a botar pressão  no PSDB. Em apenas dois meses, a equipe de procuradores denunciou e prendeu um operador vinculado aos tucanos e, agora, busca conexões entre desvios no governo paulista e o financiamento de campanhas passadas do agora candidato a presidência do Brasil Geraldo Alkmin.

A política do ridículo

Deputados do PT estão pedindo autorização ao presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), para mudarem seus registros na Casa e incluírem o nome “Lula” como parte de seus sobrenomes.

Entenda

O líder da sigla, Paulo Pimenta (RS), passará a ser “Paulo Lula Pimenta” se o requerimento for autorizado. Carlos Zarattini (SP) será “Carlos Lula Zarattini”. O deputado explicou que a decisão foi tomada em reunião da bancada e os deputados foram orientados a fazer requerimentos individuais com os pedidos. “É para marcar um protesto, é uma coisa simbólica”, disse Zarattini.

A saga de FBC

O senador Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE) destacou no Plenário do Senado, que a segurança pública no estado de Pernambuco foi “destruída”. “Uma política que foi referência para o Brasil, referência internacional para diversos órgãos que acompanharam a implantação pelo Pacto pela Vida; mas que, nos últimos três anos, sofreu uma grave interrupção”, lamentou.

Criticas ao Governador Paulo Câmara

O vice-líder do governo no Senado também ressaltou que, em três anos, Pernambuco registrou 17 mil homicídios. “Dados, digamos assim, desanimadores”, afirmou Bezerra Coelho.

Temer e as propinas

A Procuradoria da República no Distrito Federal afirmou, em aditamento de denúncia contra os supostos integrantes do "Quadrilhão do MDB" na Câmara Federal, que o coronel João Baptista Lima Filho e o ex-assessor do Planalto José Yunes são arrecadadores do "líder da organização criminosa", Michel Temer.

Jungmann e Lula

O ministro da Segurança Pública, Raul Jungmann, disse que a transferência do ex-presidente Lula, condenado e preso na Operação Lava Jato, para uma sala de Estado Maior em repartição militar, como avalia pedir a defesa do petista, depende de autorização unicamente da Justiça. Segundo o ministro, não há como o Executivo interferir no assunto.