Estudar ou descansar durante o Carnaval? Saiba qual dos dois se adequa melhor a você

O LeiaJá entrevista o professor Diogo Didier, que explica qual é a opção mais adequada para os vestibulandos nesta época de festa

Estudar ou descansar durante o Carnaval? Saiba qual dos dois se adequa melhor a você

Estudar ou descansar durante o Carnaval? Foto: Pixabay

Com a chegada do Carnaval, diversos alunos se perguntam se devem ou não fazer uma pequena pausa durante os dias de folia para descansar. Mas, afinal, esse tempo poderia prejudicar nos estudos? Para responder essa pergunta, o LeiaJá conversou com o professor Diogo Didier.

“Eu acredito que as duas modalidades são possíveis, isso vai depender muito do perfil do aluno. Por exemplo, tem aqueles que são mais dedicados, organizados e disciplinados, que, desde o ano passado, decidiram que, na virada do ano, já em janeiro, nos primeiros dias, iriam começar a estudar já para o ENEM. Independente de estar fazendo cursinho ou não, ou alguma isolada, esse tipo de aluno já estava preparado mentalmente, psicologicamente, para começar a estudar já no início do ano”, afirma Diogo.

O Carnaval é um período de festa e descontração, e muitos estudantes optam por aproveitar esse tempo para relaxar, recarregar as energias e se divertir com amigos e familiares. Mas alguns preferem utilizar o feriado para focar em seus objetivos pessoais, seja se preparando para vestibulares, concursos ou buscando aprimoramento em áreas específicas.

“Tem aquele outro perfil que acho que compõe a maior parte da galera, que são daqueles alunos que preferem iniciar os estudos pós carnaval, porque acham que o ano só começa pós carnaval e tudo bem. É uma mentalidade que é até cultural, se a gente for analisar por essa perspectiva. E também tá tudo certo, eu acho que cada candidato deve tentar avaliar o que é melhor pra si nesse momento”, conta Diogo.

“Nem o fato de um começar um pouco antes ou um pouquinho depois, eu acho que não compromete, se houver da parte do estudante, comprometimento com os estudos, com aquilo que ele quer vestibular, com aquilo que ele quer do curso dele, da carreira dele, então eu não vejo problema nisso, não. Eu só acho problemático quando o aluno começa a estudar, por exemplo, no segundo semestre, julho, agosto, por aí, porque eu vejo muito em cima da prova do ENEM”, diz.

“O ideal é que o candidato comece, no mais tardar, os preparativos pra essa prova. Em março, eu acho que é o tempo limite, porque de março a outubro o estudante tem tempo suficiente para rever os conteúdos que a prova cobra, isso no pré-vestibular, no isolada, no cursinho, ou estudando de casa mesmo, ou até no colégio, então acho que até março para começar é uma excelente ideia”, explica.

Independentemente da escolha de estudar ou curtir o Carnaval, é importante que os estudantes considerem suas prioridades, metas pessoais e necessidades individuais. O mais importante é encontrar um equilíbrio saudável que permita conciliar os compromissos acadêmicos com momentos de diversão e descanso.