Reaplicação do Enem 2020 tem mais de 70% de abstenção

As provas foram reaplicadas na terça (23) e nesta quarta-feira (24)

por Camilla de Assis qui, 25/02/2021 - 08:22
Adige Silva/LeiaJáImagens/Arquivo . Adige Silva/LeiaJáImagens/Arquivo

A reaplicação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2020 teve mais de 70% de abstenção, segundo informações divulgadas pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). As provas foram reaplicadas na terça (23) e nesta quarta-feira (24).

"Ao todo, 228.679 participantes eram esperados para o primeiro dia, considerando a somatória dos estados do Amazonas (163.444) e nos municípios de Espigão D’Oeste (969) e de Rolim de Moura (2.863), ambos em Rondônia, que não fizeram o exame nas datas regulares devido à crise sanitária", pontuou o Inep, em nota.

No primeiro dia, 63.468 (27,8%) compareceram às provas. Já no segundo, a taxa de participação foi ainda menor, com apenas 64.213 (27,4%) candidatos que foram fazer o exame. "No total, 13.568 salas foram utilizadas, em 2.188 locais de aplicação, distribuídos por 1.503 municípios dos 26 estados brasileiros, além do Distrito Federal", pontuou o Inep.

Os dados, segundo o instituto, ainda são preliminares. Os definitivos só serão liberados após a apuração do consórcio aplicador e informados na divulgação dos resultados do exame, em 29 de março.

No primeiro dia, os participantes responderam questões de Linguagens e Ciências Humanas, além de escreverem a redação, cujo tema foi “A falta de empatia nas relações sociais no Brasil”. Já no segundo dia, foi a vez das provas de Ciências da Natureza e matemática. Os gabaritos das provas objetivas estarão disponíveis na próxima segunda-feira (1º), junto com os cadernos de questões.

COMENTÁRIOS dos leitores