Governo chinês proíbe 'Fortnite', 'PUBG' e outros jogos

Jogos foram acusados de violar as regras sociais e éticas do país

por Nathália Guimarães qui, 13/12/2018 - 11:05
Reprodução/Epic Games Reprodução/Epic Games

Uma série de jogos, que inclui títulos importantes de e-Sports como League of Legends (LoL), Overwatch, Playerunknown's Battlegrounds (PUBG) e Fortnite: Battle Royale, entre outros, foram proibidos na China depois de serem acusados de violar as regras sociais e éticas do país. As informações são da Fox Sports.

De acordo com um tópico do Reddit que traduziu os resultados do processo de revisão chinês, alguns jogos foram banidos porque apresentavam personagens femininos excessivamente reveladores, sangue e conteúdo vulgar, segundo os revisores.

Vários dos jogos citados na lista são notavelmente muito mais populares na China do que em países ocidentais. Muitos deles também foram produzidos por empresas chinesas influentes como a Tencent e a NetEase.

A Tencent, em particular, foi duramente atingida pela revisão, já que o conglomerado detém participações nos jogos PUBG, League of Legends, Paladins e três outros títulos na lista. Ainda não está claro como a medida afetará a indústria de e-Sports na China, uma das maiores do mundo.

LeiaJá também

--> Batalhas entre treinadores são lançadas em 'Pokémon Go'

COMENTÁRIOS dos leitores