Uber interrompe desenvolvimento de caminhões autônomos

Ideia por trás dos caminhões autônomos foi inicialmente melhorar a segurança e a eficiência da indústria

por Nathália Guimarães ter, 31/07/2018 - 12:08
Reprodução Reprodução

A Uber disse que vai parar de desenvolver caminhões autônomos para concentrar seus esforços exclusivamente em carros. A notícia, relatada pela primeira vez pelo site TechCrunch, foi confirmada em um comunicado do chefe da Uber Advanced Technologies Group, Eric Meyhofer.

O projeto começou com a aquisição em 2016 da startup Otto, que operava em São Francisco. A parceria permitiu que 45 mil latas de cerveja fossem de Fort Collins, no Colorado, até Colorado Springs. A viagem, de quase 200 quilômetros, foi feita em cerca de duas horas por um caminhão sem a ajuda de um motorista humano.

A ideia por trás dos caminhões autônomos foi inicialmente melhorar a segurança e a eficiência da indústria, de acordo com o site do Advanced Technologies Group. Os funcionários agora serão realocados ou receberão indenização, informou a empresa.

Em março, a empresa disse que estava suspendendo os testes de carros autônomos em todas as cidades da América do Norte depois de registrar um acidente fatal. Uma mulher de 49 anos foi atropelada por um veículo da Uber e morta quando atravessou uma rua em Tempe, Arizona.

Na semana passada, a empresa voltou a testar os veículos em vias públicas, mas desta vez, eles estarão sob o controle de humanos a todo momento. Outras empresas, incluindo a Ford, a General Motors, a Daimler, dona da Mercedes-Benz, e a Bosch estão investindo no desenvolvimento da tecnologia.

LeiaJá também

--> Uber analisará ficha criminal de motoristas em tempo real

COMENTÁRIOS dos leitores