WhatsApp oferece bolsas de estudo para combater fake news

Empresa vai oferecer 20 bolsas de estudo de US$ 50 mil (cerca de R$ 195 mil)

por Nathália Guimarães qua, 04/07/2018 - 10:01
Reprodução Ideia é criar novos recursos para o aplicativo a partir das conclusões das pesquisas Reprodução

O WhatsApp anunciou uma iniciativa global para combater as fake news. O mensageiro, que pertence ao Facebook, irá oferecer bolsas de estudos de US$ 50 mil (cerca de R$ 195 mil) para evitar a proliferação de boatos na sua plataforma. A informação foi divulgada pelo jornal O Estado de São Paulo nesta terça-feira (3).

A princípio, a empresa vai oferecer 20 bolsas de estudo. Os interessados em obter o incentivo deverão investigar qual o impacto que o compartilhamento de notícias falsas no WhatsApp tem na sociedade. Entre as maiores preocupações estão as falsificações que envolvem saúde e eleições.

Segundo o jornal, o WhatsApp está tentando avaliar, com a ajuda desses pesquisadores, como minimizar a circulação de boatos na plataforma, sem prejudicar a privacidade dos dados. A ideia é criar novos recursos para o aplicativo a partir das conclusões das pesquisas. O WhatsApp possui mais de 1,5 bilhão de usuários no mundo - 120 milhões deles no Brasil.

LeiaJá também

--> Facebook fecha o cerco contra anúncios políticos no Brasil

COMENTÁRIOS dos leitores