Facebook suspende 200 apps por coleta indevida de dados

Empresa avaliou milhares de aplicativos para ver se eles tinham acesso a grandes quantidades de dados de usuários

por Nathália Guimarães seg, 14/05/2018 - 09:49
Paulo Uchôa/LeiaJáImagens/Arquivo Facebook suspendeu cerca de 200 aplicativos de sua plataforma Paulo Uchôa/LeiaJáImagens/Arquivo

O Facebook suspendeu cerca de 200 aplicativos de sua plataforma após avaliar que as empresas responsáveis por eles coletavam mais dados pessoais de usuários do que deveriam, informou um porta-voz da rede social nesta segunda-feira (14).

A empresa avaliou milhares de aplicativos para ver se eles tinham acesso a grandes quantidades de dados de usuários, e agora vai investigar minuciosamente aqueles que potencialmente estão abusando destas informações.

O Facebook disse que quando desconfiar da atividade de algum aplicativo fará uma série de perguntas detalhadas sobre o software e os dados aos quais ele tem acesso, além de realizar auditorias e inspeções.

A investigação é parte da resposta do Facebook às revelações sobre a coleta de dados de usuários feita pela empresa britânica Cambridge Analytica em março. A rede social foi forçada a admitir que permitiu que as informações de dezenas de milhões de pessoas fossem cedidas à consultoria para fins políticos.

O CEO do Facebook, Mark Zuckerberg, prometeu a investigação como uma das várias medidas postas em prática para lidar com o escândalo. "Há muito mais trabalho a ser feito para encontrar todos os aplicativos que possam ter usado mal os dados de usuários - e isso levará tempo", disse um porta-voz da rede social.

LeiaJá também

--> Facebook transmitirá partidas da Libertadores em 2019

COMENTÁRIOS dos leitores