EUA pedem que usuários parem de usar Internet Explorer

Em nota, a Microsoft diz estar “consciente das limitações e possíveis problemas”

por Nathália Guimarães ter, 29/04/2014 - 10:40
Reprodução Uma vez instalada, a ameaça age na máquina como um usuário comum Reprodução

O departamento do governo americano responsável pela segurança na internet recomendou, através de comunicado em seu site oficial, que os usuários do Internet Explorer deixem de utilizar o navegador até que a vulnerabilidade anunciada seja consertada.

Através da falha, um cibercriminoso pode criar um site que instala um vírus no computador, caso a página seja acessada através do navegador. Uma vez instalada, a ameaça age na máquina como um usuário comum, podendo realizar tarefas como ler e apagar dados pessoais.

Em nota, a Microsoft diz estar “consciente das limitações e possíveis problemas”. Esta é a primeira grande ameaça a surgir desde que a companhia de Bill Gates parou de fornecer atualizações de segurança para o sistema Windows XP no começo do mês.

COMENTÁRIOS dos leitores