Em Davos, Bolsonaro almoça em restaurante popular

Davos, conhecida como um dos locais mais luxuosos da Suíça, reserva a seus participantes alguns dos principais restaurantes da cidade, mas o presidente optou por um cardápio diferente

ter, 22/01/2019 - 11:40
Alan Santos/PR Alan Santos/PR

São 3,5 mil participantes, mais de 300 eventos e 70 chefes de Estado e de governo. Mas o presidente Jair Bolsonaro optou por ir almoçar nesta terça-feira (22), em um restaurante popular de um supermercado local, repleto de funcionários do "baixo clero" do Fórum Econômico Mundial, em Davos.

Simon Hecker, um brasileiro que mora na Suíça, chegou a fazer um vídeo e fotos do presidente. "Ele estava tomando uma Coca e comendo sanduíche", disse. "Eu estava almoçando quando, de repente, ele passou", contou.

A assessoria de imprensa do governo não revelou o destino de Bolsonaro quando ele deixou o hotel para almoçar. Apenas insistiram que "não tinham a informação". Davos, conhecida como um dos locais mais luxuosos da Suíça, reserva a seus participantes alguns dos principais restaurantes da cidade. A opção, porém, foi por um cardápio diferente.

Depois do almoço, Bolsonaro retornou para o hotel, onde preparou seu discurso marcado para ocorrer às 12h30, pelo horário brasileiro. Na rua, um grupo de brasileiros ainda o aguardava com bandeiras do Brasil e camisetas com a imagem do novo presidente.

COMENTÁRIOS dos leitores