''Serei candidato a alguma coisa'', diz Mendonça

O ministro da Educação falou que ainda não decidiu que cargo vai disputar na eleição e ressaltou que não quer colocar o seu projeto pessoal acima dos interesses de Pernambuco

por Taciana Carvalho seg, 19/02/2018 - 15:33
Lula Marques/Agência PT Lula Marques/Agência PT

Uma das perguntas que não quer calar quando se trata do cenário político em Pernambuco é qual o cargo que o ministro da Educação, Mendonça Filho (DEM), vai disputar na eleição deste ano. Em entrevista exclusiva ao LeiaJá, o democrata contou que disputará o pleito em outubro, mas afirmou que ainda não decidiu qual a vaga que vai concorrer. 

“Eu ainda não sei. Eu vou aguardar um pouco e depois do Ministério da Educação é que eu vou decidir a minha vida. Serei candidato a alguma coisa, ainda não decidi ao que. Precisa se discutir”, expôs. 

O auxiliar ministerial de Michel Temer (PMDB) ressaltou que mais importante que seu projeto pessoal, é dar prioridade ao estado. “Eu não quero colocar o meu projeto pessoal acima dos debates do interesse do estado. Primeiro lugar, discutir Pernambuco e depois eu discuto ao que eu vou concorrer”, reiterou. 

O ministro também falou que as ações em prol da educação irão continuar enquanto continuar no comando da pasta. “Com a consolidação de várias iniciativas que garantem uma expansão da educação universitária estadual, federal e também por meio de instituições privadas como fiz a pouco criando o centro universitário FBV, além naturalmente das ações na educação básica junto a estados e municípios, construção de creches nas escolas e de quadras poliesportivas para escolas em tempo integral”. 

Mendonça Filho ainda salientou a importância da reforma do ensino médio para atrair os alunos para a sala de aula e salientou que a atuação do MEC em Pernambuco e no Brasil possui “um leque bem amplo”. 

 

 

 

COMENTÁRIOS dos leitores