Dilma deve voltar a Pernambuco até junho, diz colunista

A estratégia da petista é garantir espaço na terra do rival, Eduardo Campos (PSB)

por Giselly Santos sab, 19/04/2014 - 10:31
Fernando da Hora/LeiaJáImagens/Arquivo Dilma desembarcou em terras pernambucanas na última segunda-feira (14) Fernando da Hora/LeiaJáImagens/Arquivo

A presidente Dilma Rousseff (PT) avisou ao governador de Pernambuco, João Lyra Neto (PSB), que pretende voltar ao estado antes de junho para inaugurar algumas obras do Governo Federal que já estão em fase de conclusão. A estratégia, segundo a colunista Vera Magalhães, da Folha de São Paulo, servirá para a petista marcar território no reduto eleitoral do ex-governador Eduardo Campos (PSB), um dos principais adversários da presidente no pleito deste ano. 

Dilma desembarcou em terras pernambucanas na última segunda-feira (14), coincidentemente no mesmo dia em que Campos lançou sua pré-candidatura à presidência da República ao lado da ex-senadora Marina Silva (PSB-AC), durante um evento em Brasília. A troca de bases não foi à toa. Campos tem buscado mais inserção em âmbito nacional e Dilma não quer perder a vantagem que garantiu em 2010 no estado – 1,8 milhão de votos – diante do segundo colocado nas eleições presidenciais. 

COMENTÁRIOS dos leitores