Vereadora pede informações sobre obras da Delta no Recife

Construtora envolvida em escândalo mantém dois contratos com a Prefeitura da cidade

por Thabata Alves | sab, 28/04/2012 - 09:21
Compartilhar:

 

Foto: Divulgação Um dos contratos, antes negociado por R$ 20,3 milhões, já foi aditado mais de sete vezes e hoje estima o custo final da obra num montante de R$ 35,3 milhões Um dos contratos, antes negociado por R$ 20,3 milhões, já foi aditado mais de sete vezes e hoje estima o custo final da obra num montante de R$ 35,3 milhões

A cada dia o escândalo envolvendo a construtora Delta, do contraventor Carlos Cachoeira, vem ecoando mais forte. No recife, a líder da oposição na Câmara do Recife, vereadora Priscila Krause (DEM), decidiu enviar um pedido de informações ao prefeito João da Costa (PT) para questionar o andamento de dois contratos assinados entre o governo municipal e consórcios compostos pela empresa Delta.

“Nós identificamos dois contratos em andamento, um mais adiantado, outro com prazo estendido até a próxima quarta-feira, e estamos solicitando ao prefeito mais dados para que possamos fiscalizar de maneira mais efetiva”, revelou. As duas obras foram contratadas pela gestão do ex-prefeito João Paulo (PT).

De acordo com a vereadora, os dois contratos (023/2007 e 295/2007) tratam de obras do programa Prometrópole em torno da urbanização da Bacia do Beberibe, na Zona Norte da capital pernambucana. O mais antigo deles refere-se especificamente ao Canal do Jacarezinho e foi assinado em março de 2007.

O valor do contrato entre a Secretaria de Saneamento do Recife e o Consórcio Delta-Rocha girou em torno de R$ 19,3 milhões. Dados de aditivos publicados no Diário Oficial registram, no entanto, que a obra teve o valor acrescido em R$ 8,0 milhões. Ainda de acordo com a publicação oficial, a última prorrogação de prazo fixou o mês de julho do ano passado como limite para o fim da intervenção.

Em relação ao contrato 295/2007, firmado em dezembro daquele ano, também o consórcio Delta-Rocha ficou responsável pela execução de obras de urbanização das Unidades de Esgotamento 20 e 21 do Recife - Zona Norte (entorno do bairro do Arruda). Antes negociado por R$ 20,3 milhões, o contrato já foi aditado mais de sete vezes e hoje estima o custo final da obra num montante de R$ 35,3 milhões. De acordo com informações oficiais, o novo prazo para a conclusão da obra é a próxima quarta-feira (2).

| | | Link:
Compartilhar:

Leia as Mais!

+ LIDAS

Facebook

Carregando