Preso por estupro é espancado por detentos na Bahia

O preso é ex-secretário administrativo de Jucuruçu. Ele responde pelo estupro de uma jovem de 18 anos, uma mulher de 25, além de tentar estuprar duas adolescentes de 14 anos

por Jameson Ramos qui, 10/01/2019 - 19:16

Após ter sido condenado a 11 anos de prisão por estupro, Alexsandro Souza Sena, 38 anos, foi espancado por seus companheiros de cela com socos, pauladas e chutes. Alexsandro é ex-secretário de administração da cidade de Jucuruçu, extremo sul da Bahia.

A violência foi filmada e compartilhada pelos próprios detentos do Conjunto Penal de Teixeira de Freitas. Segundo a Polícia Civil, o video foi feito no dia 28 de dezembro de 2018, mas só nesta semana é que viralizou nas redes sociais. O ex-secretário havia sido beneficiado com o semiaberto, mas voltou para o regime fechado após ser preso novamente por estupro no dia 11 de dezembro do ano passado.

Alexsandro está preso pelo estupro de uma jovem de 18 anos e uma mulher de 25 anos, além da tentativa de estupro contra duas adolescentes de 14 anos - tudo praticado na Bahia.

Em entrevista, o delegado Ricardo Amaral informou que os detentos que participaram da tortura foram identificados e ouvidos. O caso agora está sendo apurado como lesão corporal grave.

"Desde o acontecimento, o interno Alexsandro está em cela de seguro e não mais divide cela com os demais internos do pavilhão", confirmou a Secretaria de Administração Penitenciária da Bahia (Seap) ao site local.

COMENTÁRIOS dos leitores