Prefeitura de SP faz acordo para construir Parque Augusta

Empresas vão doar terreno ao município em troca de declarações de potencial construtivo

por Nataly Simões sex, 10/08/2018 - 13:50

A Prefeitura de São Paulo realizou um novo acordo com as construtoras proprietárias do terreno do Parque Augusta, no centro da capital, para viabilizar sua implantação.

O acordo prevê a transferência do terreno por doação ao município em troca de quatro declarações de potencial construtivo passível de transferência, o que permite que as empresas construam em outra área o que chegou a ser autorizado para ser implantado no Parque Augusta.

As construtoras ainda terão que gastar R$ 9,85 milhões com obras como a restauração do antigo colégio Des Oiseaux, que fica dentro do terreno, e a construção do Boulevard Gravataí, que liga o parque à Praça Roosevelt. O dinheiro também deve ser usado para a manutenção do parque por dois anos.

Os termos de negociação estabelecem que as ações civis propostas contra as empresas sejam extintas e que a prefeitura não precise mais ceder o terreno onde fica a regional de Pinheiros. A administração municipal também receberá R$ 88 milhões que foram pagos pelos bancos que movimentaram dinheiro desviado de obras públicas durante a gestão de Paulo Maluf. O montante será destinado à construção de creches e escolas.

COMENTÁRIOS dos leitores