PM tem perna arrancada após motorista avançar em blitz

O motorista que dirigia uma caminhonete Mitsubishi L200 avançou a blitz, atropelou o PM, bateu em um carro e capotou por cerca de 150 metros

por Lorena Andrade sab, 07/07/2018 - 10:51

Um policial militar teve a perna arrancada após um motorista bêbado atingi-lo durante uma blitz da Lei Seca, em São Conrado, no Rio de Janeiro. O atropelamento aconteceu por volta das 23h da sexta-feira (6).

Segundo informações, o motorista que dirigia uma caminhonete Mitsubishi L200 avançou a blitz, atropelou o PM, bateu em um carro e capotou por cerca de 150 metros. O motorista fez o teste do bafômetro, que deu positivo. Ele e as duas vítimas foram levados para o Hospital Miguel Couto, na Gávea.

O policial militar passou por uma cirurgia, mas o estado de saúde dele ainda não foi informado. A vítima que estava dentro do carro atingido, identificado como Jurandir, e o infrator fizeram alguns exames e passam bem. Segundo informações do Jornal Extra, o atropelador foi escoltado até o hospital e sairá de lá direto para a delegacia, pois foi preso em flagrante.

Tags:

COMENTÁRIOS dos leitores