'Morte' de trans brasileira agita as redes no Reino Unido

"Eu passei o inferno hoje porque alguém usou a minha conta no Twitter para escrever algo estúpido sobre mim", explicou Rebekah

sex, 12/01/2018 - 12:58
Reprodução/Twitter Conta no Twitter informou que ela teria falecido "de maneira inesperada" na noite de quarta-feira Reprodução/Twitter

A transgênero brasileira Rebekah Shelton, 32 anos, que mora no Reino Unido, foi envolvida em uma polêmica nesta sexta-feira (12) nas redes sociais.

Logo nas primeiras horas da manhã de hoje, sua conta no Twitter informou que ela teria falecido "de maneira inesperada na noite de quarta-feira (10).

A notícia foi repercutida nas redes sociais e até mesmo a conta do Big Brother do país, no qual Shelton participou em 2009, chegou a lamentar o falecimento.

"Muito triste por saber que Rebekah Shelton, que participou do #BBBUK 2009 como Rodrigo Lopes, morreu aos 32 anos. Nossos pensamentos estão com os amigos e com a família", escreveu o perfil do reality show britânico em sua conta no Twitter.

No entanto, quase no fim da tarde de hoje (pelo horário britânico), ela postou um vídeo no Twitter em que afirma que "está de férias na Arábia Saudita" e que "obviamente, eu não estou morta".

"Eu passei o inferno hoje porque alguém usou a minha conta no Twitter para escrever algo estúpido sobre mim. Essa pessoa não pode aceitar o fato de que estou feliz, que superei todos os meus problemas e que eu estou finalmente vivendo a minha vida feliz. Estou de férias, eu tô na Arábia, eu não estou morta", gravou em vídeo.

Da Ansa

COMENTÁRIOS dos leitores