Deputado americano acusado de abuso sexual comete suicídio

Dan Johnson era suspeito de ter abusado de uma mulher em 2012, quando a jovem tinha 17 anos

por Sérgio Gregório qui, 14/12/2017 - 15:59
Divulgação Divulgação

O deputado republicano do estado americano do Kentucky Dan Johnson, de 57 anos, foi encontrado morto nesta quarta-feira (13), com um tiro na cabeça. De acordo com a polícia local, o deputado cometeu suicídio.

Johnson era acusado de abuso sexual por uma mulher, que alega ter sido abusada pelo deputado em uma festa de fim de ano em 2012, quando tinha apenas 17 anos. A acusação foi feita alguns dias antes da morte do republicano.

O deputado, que também era pastor da igreja Heart of Fire ("coração de fogo"), havia postado uma mensagem em sua página no Facebook comentando sobre o caso de abuso. "As acusações são falsas. DEUS e apenas DEUS sabe a verdade", escreveu Johnson, que também comentou sobre seus problemas de transtorno pós-traumático.

Um pouco depois de a publicação ter sido apagada do Facebook, as autoridades encontraram o corpo de Johnson próximo a uma ponte sobre o rio Slat, na região conhecida por Mount Washington.

A autópsia do corpo será feita ainda nesta quinta-feira.

Antes das acusações de abuso, Dan Johnson gerou polêmica ao comparar o antigo presidente Barack Obama e a primeira dama Michelle Obama a macacos. 

COMENTÁRIOS dos leitores