Câmara aprova venda do Anhembi e da SPTuris

Proposta extingue órgão oficial e libera a venda do terreno que compreende Sambódromo e espaço de eventos

por Wagner Silva qua, 06/12/2017 - 15:28

O projeto de privatização do Anhembi foi aprovado no final da tarde de ontem (5) pela Câmara dos Vereadores de São Paulo. Após negociações entre governo e oposição, os parlamentares deram parecer favorável à proposta da prefeitura e o texto segue para sanção do prefeito. Porém, mesmo após o “sim” da Câmara, o prefeito João Doria deve aguardar a aprovação de um outro projeto para vender o espaço.

A prefeitura precisa aprovar a proposta que muda o zoneamento em torno dos dois complexos (o espaço de eventos e o Sambódromo) para que a região possa ser valorizada, com isso a administração pública pretende conseguir um valor maior na transação. Inicialmente, as propostas estavam atreladas, mas os vereadores consideraram que era impossível determinar o valor do terreno, caso fossem vendidos juntos.

O líder do PT na Câmara, vereador Antonio Donato, criticou o projeto e a forma como ele foi conduzido pelos parlamentares. "É o estilo Doria. Manda o projeto para a Câmara sem fazer qualquer estudo. A extinção da SPTuris significa que não teremos uma entidade pública que cuide do fomento ao turismo. Quem comprar terá o terreno de 400 mil metros quadrados para um grande empreendimento imobiliário, sem preocupação com a cidade de São Paulo", afirmou Donato.

COMENTÁRIOS dos leitores