EUA: condenado à morte ganha almofada para comodidade

O réu de 69 anos foi condenado à pena capital pela morte de um jovem de 18 anos em 1997

ter, 14/11/2017 - 20:28
SEBASTIEN BOZON O estado americano de Ohio decidiu acomodar um condenado à morte com uma almofada especial para ajudá-lo a respirar, momentos antes de sua execução SEBASTIEN BOZON

O estado americano de Ohio decidiu acomodar um condenado à morte com uma almofada especial para ajudá-lo a respirar, momentos antes de sua execução.

A "almofada oblíqua" será colocada na cama onde estará atado Alva Campbell durante sua execução, informou nesta terça-feira a AFP JoEllen Smith, porta-voz dos serviços penitenciários estatais.

O réu de 69 anos foi condenado à pena capital pela morte de um jovem de 18 anos em 1997. Seus advogados solicitaram, sem sucesso, a suspensão de sua execução devido a seu estado de saúde.

Campbell sofre de uma grave insuficiência pulmonar e requer quatro tratamentos diários para ajudá-lo a respirar. Ele carrega uma bolsa de colostomia, caminha com andador e possivelmente padece um câncer de pulmão, dizem seus defensores.

Mas não conseguiran convencer as autoridades de Ohio, que, entretanto, tomaram "as medidas de proteção necessárias adaptadas à sua execução", disse Smith.

Os ativistas contra a pena de morte denunciaram um ato "bárbaro" e pediram ao governador, John Kasich, que perdoe Campbell.

COMENTÁRIOS dos leitores