Anvisa suspende propaganda de produto clandestino

Suplemento que promete fazer crescer cabelos não tem registro na autoridade sanitária

por Sarah Abrão qua, 06/09/2017 - 16:17

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) suspendeu as propagandas do produto Capitrat, que prometiam mudanças capilares, como restauração do bulbo capilar, fim de queda e estímulo ao crescimento dos cabelos. 

O suplemento vitamínico é clandestino e não possui registro na Anvisa. O item é fabricado pela Catalent Brasil Ltda e distribuído por Kley Hertz Farmacêutica S/A.

A propaganda no site do produto destacava as característica do suplemento: “ativa, de dentro para fora, os mecanismos celulares das camadas mais profundas dos cabelos, tornando-os mais fortes, brilhosos, saudáveis e reforçando as suas defesas biológicas”.

A decisão da Anvisa de suspender se aplica também na rotulagem do produto e a qualquer tipo de mídia.

COMENTÁRIOS dos leitores