Dia do biólogo: veja porque a preservação é tão importante

"Ser biólogo é uma paixão", diz André Maia que destaca importância da preservação de animais silvestres.

por André Nascimento dom, 03/09/2017 - 11:29
Reprodução/LeiaJá Reprodução/LeiaJá

O dia 3 de setembro é lembrado o Dia do Biólogo. A profissão foi regulamentada no ano de 1979, quando também foi criado o Conselho Federal de Biologia. Para lembrar dessa data, a equipe do LeiaJa.com acompanhou André Maia, que segue nesta profissão há 10 anos e trabalha com resgate de animais e dando palestras sobre preservação. Para ele, é muito importante lembrar às pessoas de que a natureza e os animais devem ser protegidos.

“Nós acreditamos que o que eu não conheço eu temo. O que eu temo eu mato. Então, por conta disso, é importante fazer com que as crianças entendam qual é a importância da preservação ambiental e conhecer um pouco o animal - podendo, assim, conhecer, admirar e o melhor: respeitar”, afirma.



André Maia costuma sempre levar animais para suas palestras, a exemplo de Scar (serpente), Cristal (coruja) e o seu preferido: Paçoca (furão). Quem assiste fica admirado e passa a entender o papel fundamental do biólogo no processo de conscientização da proteção dos animais silvestres. Ianka Souza é estudante e reconhece que o biólogo enfrenta muitas dificuldades, mas tem um grande valor. “Embora seja uma profissão que não seja muito valorizada, eu acho que o papel do biólogo é algo fundamental para o todos, porque ele pesquisa e importa com os impactos que o homem impõe à natureza.”, destaca.

Apesar dessa luta diária, Maia também destaca que o sentimento de ser em frente é muito maior: “ser biólogo é uma paixão tão grande. Você trabalhar não só pra você, mas para que as próximas gerações também possam ter o direito de ver tudo o que a gente está vendo hoje em dia - o que ainda é pouco se comparado ao que era possível antes da ação do homem”, diz.

Confira mais detalhes sobre a atuação do biólogo e sua importância no vídeo:

Embed:

COMENTÁRIOS dos leitores